Pesquisar

26 de nov de 2013

10 defeitos mecânicos preocupantes na compra do piano

Quando você está examinando um piano para comprar, sendo novo ou usado, é muito importante que o mecanismo esteja íntegro e confiável. Por ser o elo de ligação entre a sua expressividade e a batida final na corda, deixar problemas para serem resolvidos depois da compra pode ser um ato temerário, pois o custo da reforma da mecânica pode equivaler ao valor gasto na compra do piano.

É oportuno esclarecer que vários defeitos apresentados aqui ocorrem também em Pianos Digitais. 

1) Grilo na mecânica

Todo o mecanismo emite algum tipo de ruído perceptível e não seria diferente com pianos acústicos e digitais. Contudo, o excesso de cliques e outros grilos podem ser intoleráveis no futuro. Portanto, na hora de examinar um piano, leve junto alguém que toque, para você ficar escutado ao redor e tentar ouvir ruídos espúrios que às vezes o próprio executante não percebe.

2) Folga nas teclas

É fácil constatar esse defeito, basta empurrar a tecla lateralmente. Se houver folga excessiva, significa que as buchas de feltro das cavidades que alojam os pinos estão gastas e devem ser trocadas.

3) Teclas presas

Num piano teclas presas não apontam para um probleminha e sim para o problemão do instrumento ter ficado muito tempo exposto à umidade. É pouco aconselhável comprar um piano com este perfil de uso. Como a mecânica dos Pianos Digitais é feita inteiramente de plástico, teclas presas indicam componentes quebrados, que devem ser substituídos ou colados por alguém devidamente habilidoso.

4) Teclado desalinhado

Este piano digital Kawai foi posto à venda com este pequeno defeito aparente. Quando as teclas não estão perfeitamente alinhadas, é sinal inequívoco de que o antigo dono tocou nele como se fosse piano acústico, o que é um erro, pois os mecanismos feitos inteiramente de plástico dos pianos digitais não aguentam o mesmo sarrafo que os pianistas sentam em cima dos pianos acústicos.

5) Som fanho

Num piano em estado normal de funcionamento você tem que premir um tecla e obter como reposta apenas um som límpido. Se algumas notas soam xoxas, significa que o martelo não está desgrudando da corda com a velocidade suficiente. Tal fato indica mecânica desregulada ou desgastada.

6) Toque irregular

Faça uma escala cromática usando todo o teclado e tente perceber se há diferenças de pressão para o acionamento das teclas. Nos pianos verticais é interessante fazer também a escala com o pedal de surdina acionado, pois se houver algum desbalanceamento, nesta condição ele se tornará flagrante. Uma vez detectado, a causa do desbalanceamento pode ser tanto uma simples desregulagem, quanto molas oxidadas e/ou cansadas, neste caso o orçamento do conserto pode fazer jus ao adágio popular "o barato que sai caro".

7) Notas que continuam soando

Com o tempo e o uso os feltros dos abafadores acabam se desgastando. Numa primeira instância é possível que uma regulagem dê conta do problema, mas em casos avançados só a substituição dos feltros resolve a situação.

8) Questão de peso

Para avaliar este quesito você tem que ter a exata ideia da sua pegada preferida: leve, média ou pesada. Logo, a pessoa deve ter certeza do seu toque antes de comprar um piano macio, equilibrado ou duro.

9) Teclas emudecidas

Na hora de avaliar um piano, fuja das explicações simples do tipo "é só afinar e regular". Teclas que não percutem as cordas podem significar desde defeitos bobinhos até demandar reforma completa da mecânica devido ao desgaste dos martelos e demais componentes.

10) Agudos muito débeis

Pode indicar desde problemas de entonação a martelos excessivamente gastos. Além disso, pode ser que o piano seja ruim de agudos, o por característica do projeto de escala, ou devido à perda do coroamento (curvatura) da tábua harmônica.


Toque final: numa situação ideal, a compra de um piano usado não deveria ser na base da loteria, pois o comprador tem o direito de ver o instrumento afinado e regulado no momento de examiná-lo e experimentá-lo. Na prática as coisas nem sempre correm assim, muito antes pelo contrário. Não vã esperança de aproveitar a pechincha, o comprador pode cair numa armadilha que termina custando mais do que ele pagou pelo piano.

2 comentários:

  1. Algumas teclas do meu piano estão fazendo um ruído "batida" quando toco, o que pode ser?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pode excesso de umidade no ar ou pouca, pó, folga, etc. Sem examinar e impossível diagnosticar.

      Excluir