Pesquisar

25 de mai de 2011

O que as mulheres pensam em 100% do tempo?

Não, eu não vou ser leviano ao ponto de brincar em cima do fato delas não pensarem em nada, conforme sugere o Blog* vazio encontrado perdido por aí nas quebradas. Na verdade, elas pensam muito mais do que os homens, só que de maneira mais complexa e compromissada, com perigosas incursões avançando no tempo, sem descuidar das emergências do momento.

Cabelo.
Qual é o melhor penteado? Cortar ou não cortar? Qual é o melhor estilo? Pintar, não pintar, de que cor? São perguntas que martelam incessantemente nas suas lindas cabecinhas. Por isto, exceto as mulheres que optaram pelo definitivamente loiro ou preto-negro-de-fumo, as de cabelo pintado são mais ou menos vermelhas. Tanto dinheiro gasto nos salões, para todas ostentarem a mesma cor pasteurizada resultante da deficiência das tinturas. Até a atriz Scarlett Johansson, uma castanha natural, não escapou da maldição do vermelhão. Por isto me incluo entre os advogadores de uma estética sem artificialismos.
Existe vida fora do cabelo pintado?

Pele.
Pensar muito na pele implica na tonelagem de recursos que as mulheres dispendem em cremes hidratantes, esfoliantes, vitaminantes, fortificantes, amaciantes e o escambau. Claro, e sempre as queremos macias e cheirosas quando se aprochegam feito felinas para o nosso lado. Por isto, tudo tem um preço e o delas é bastante alto para manter a pele sempre sedosa, não obstante o avanço da idade, o que nos remente ao seu principal fantasma. A sardenta atriz Lindsay Lohan nos ilustra o que poderia ser pensar em pele (isto não quer dizer que os metrossexuais não pensem todo o tempo nisto).

Balança.
Será que um dia realizaremos o que é viver as 24 horas do dia sob a feroz ditadura da balança? Duvido. Entre culpas e desculpas, elas lutam e labutam contra um dos seus maiores cavaleiros do Apocalipse pessoais, entre eles os...

Vestígios do tempo.
Até parece que Deus pregou uma peça de gigantescas proporções sobre o produto resultante da costela de Adão. Enquanto seus hormônios estão em alta, elas são virtualmente imunes a várias mazelas tipicamente masculinas; pressão alta, ataque cardíaco, predisposição ao aumento de peso, etc. Todavia, na medida em que o estrogênio entra em declínio, diversas e terríveis transformações começam a se operar e elas se veem em palpos de aranha, como se fossem vitimas de grande ironia divina. Mas espera aí! Talvez o Criador tenha querido apontar justamente para isto: cada uma recebe um corpo jovem e esbelto, que no decorrer dos anos, somente pode se preservar belo mediante escolhas corretas e a renúncias, que proporcionalmente ao passar do tempo, devem se tornar cada vez maiores e severas.
Entretanto, graças às diferenças específicas que temos em relação aos primatas superiores, alguns magníficos espécimes femininos humanos continuam belos e exultantes além dos 45 anos, logicamente, à custa de elevada disciplina dietética, física e gastos milionários em produtos/procedimentos anti-aging. Na foto, Patti Davis desafia o tempo e posa lindamente nua aos 58 anos.
7 mulheres e um segredo: como elas continuam belas aos 45?

Futuro.
Aprendi com a minha esposa o que é se preocupar com o futuro. Depois que tenho a minha fome saciada e me invade um raro bem estar, ela já está matutando o almoço de amanhã, pois os homens só pensam em comida quando a fome irrompe de repente. Este foi apenas um pequeno exemplo, pois o cotidiano feminino exige que elas se preocupem antecipadamente com inúmeras outras e pequenas tarefas que nos propiciam grandes confortos.

Mudanças.
Quando você pega uma mulher olhando o infinito, é quase certo que ela está pensando em mudar alguma coisa: cor/corte do cabelo, unhas, roupas, cirurgia plástica, reforma da casa, pintura da casa, etc. Foi olhando a cara de uma mulher pensatibunda, que o engraçadinho bolou o seguinte aforismo: “mente vazia é oficina do diabo”.

Faltou alguma coisa?
Aqui você tem a chance de me apedrejar como reducionista, mas me desculpe se não consigo abranger o universo num único e singelo texto.
Claro que faltou algo, mais precisamente tudo, como por exemplo: roupas, outras mulheres, compras, filhos, grana, e... sexo. Mas, espera aí! Quando a questão é sexo, os papeis se invertem, pois neste quesito, enquanto elas deixam rolar e curtem o momento, nós pensamos e calculamos qual será a hora adequada de dar o bote, o que nos remete a um discurso análogo, porém antagônico: “O que os homens pensam 100% do tempo?”.

*O que as mulheres pensam?

11 comentários:

  1. Não tente entender as mulheres, muito menos a cabeça delas. O mais próximo que você vai chegar é à loucura.

    ResponderExcluir
  2. Do jeito que vc tá colocando parece que mulher é fútil e só pensa na aparência. Existem mulheres fúteis a esse ponto? Claro, assim como existem homens assim também! Mas NÃO são todas!
    Eu me preocupo, sim, com a aparência. Mas é muito mais fácil me pegarem lendo uma revista Superinteressante ou Mundo Estranho do que um catálogo da Avon.
    E outra coisa. Do jeito que vc colocou também, parece que mulher quando pensa no futuro só tá pensando em dar tudo do bom e do melhor pro marido. E quando digo isso, penso em lavar, passar, cozinhar etc etc.
    Pare de generalizar as mulheres pq não somos iguais!

    ResponderExcluir
  3. faltou: Novela!

    ResponderExcluir
  4. putz mulher é mais que isso. não pode falar pq não é uma (Y)

    ResponderExcluir
  5. eu penso mais em sexo e livros do que nessas porcarias que você citou.

    ResponderExcluir
  6. das mulheres só penso uma coisa COMO TRANSAR COM ELAS

    ResponderExcluir
  7. Elas pensam sempre em como irão encher o saco do parceiro ou que planos estragar (sair com amigos, assistir ou ir ao futebol, ir na casa das mães delas...).

    ResponderExcluir
  8. Isaias, e as mulheres que se dedicam a nossa saúde, educação, nutrição, segurança...e aquelas que estão nesse momento, em algum lugar do mundo, morrendo desnutridas, ou lutando em algum confronto, ou ainda as musicistas, as religiosas,as atletas, as operárias da construção civil...estão todas pensando em cabelos,roupas,futilidades?
    A generalização é perigosa porque nos ditancia da realidade, desvaloriza as diferenças e também induz a aceitação de esteriótipos.

    ResponderExcluir
  9. kkkkkkkkkk...ninguem merce esse ser (arquitetura...)não entendeu o texto cabeção... sera q não consegue ver o cotidiano? cara vc é mais cego do que parece...acho melhor vc tomar cuidado com as suas coisas(poder perder se não ja perdeu)... ;-)
    Cara, leia Nessahan Alita urgentemente

    ResponderExcluir
  10. Anônimo, cotidiano de quem?
    Das mulheres manipuladas, cabeças ocas? sei que não faço parte dos anônimos!

    ResponderExcluir
  11. Cára homem algum conseguiu ou conseguirá entender a mulheres
    mas parabéns.. vc tá no caminho certo

    ResponderExcluir