Pesquisar

26 de dez de 2010

Coisas banais mais detestáveis na vida nerd.

A informática criou problemas que não existiam, isto é fato. Portanto, a maioria das coisas mais detestáveis da vida moderna estão de alguma forma imbricadas com a informática.
Aí o espertinho vem me alegar que a simpática velhinha nada tem a ver com isto, porque nasceu numa época jurássica quando a Rede era apenas um instrumento usado para pescar. Aí eu pergunto, como fica a pobre velhinha quando chega ao banco, depois de fazer mil peripécias para lá chegar e se depara com o atendente que setencia com a cara mais deslavada do mundo: caiu o sistema!!??

Então, não me venham dizer que as minhas mazelas são única e exclusivamente coisa de nerd, porque qualquer cidadão contemporâneo se vê às turras com elas em maior ou menor grau. Entre os meus infernos astrais particulares estão pequenas bobagens que doem muito:

enviar e-mail - meu, este negócio está aí há mais de 40 anos e é algo quase tão vetusto quanto mandar uma aaarrrgggghhh carta. Definitivamente não simpatizo com o bom velhinho, mas é um mal necessário bem melhor do que mandar cartas pelo correio;

ser floodado por e-mails de notificações das redes sociais - tenho Orkut, Facebook, Twitter, Myspace e desativo religiosamente todas as notificações. Dia desses, comecei a receber e-mails repetitivos de um grupo do Facebook que me cadastrou à revelia. Resultado, fui atrás de mil e herméticas configurações do Face para desativar aquela cousa e, de brabo, terminei me descadastrando de todos os grupos para não correr novos riscos;

telefonar e ser "telefonado" - meu Deus, como odeio telefone! Só o ruído que este aparelho do diabo faz me deixa tenso. Acho que o governo deveria proibir o tráfego de fonia pelas linhas, que deveria ser devotada exclusivamente aos sacramentados fluxos de dados;

alongar discussão virtual - este negócio de réplica, tréplica, quadruplica, quintuplica, etc, me enche o saco rapidinho. Então, longe de me dar ganas de alimentar um flame, prefiro me retirar de fininho antes que a discussão se multiplique e acabe em golpes nos países baixos.

ser interrompido pelo ruidinho imbecil dos instant messengers - você já reparou que todo mundo enfiou messengers nas porras das Redes Sociais? Até o Gmail teve a bondade de misturar a ferramenta universal de perda de tempo com o velho e bondoso e-mail. Resultado, tive que sair catando artifícios para desabilitar todos os messengers embutidos, coisa que me tornou o cara mais feliz da terra.

Isto sem falar do meu pavor por TV broadcasting, jornal de papel mole, baleias azuis, conexão de baixa velocidade, blog mal escrito, kibação, queda de servidor, etc. Vida de nerd é um desfile interminável de engolimento de sapos, que se salva apenas pelos códigos e a criptografia. Daqui a milhares de anos, quando nossos fósseis forem descobertos, pensarão que fomos os sacerdotes mártires do nosso tempo... e não estarão muito longe da verdade.

7 comentários:

  1. Nossa, moço, que post diferente. Gostei. haha
    Mas, ó: "meu, este negócio está aí a mais de 40 anos". É 'há' de 'haver', não?

    E sobre o "alongar discussão virtual". Bom, eu não tenho nada contra. Tirando que debater assuntos por escrita é exaustivo, é natural defendermos nossas opiniões.
    Mas, poxa, você é muito, digamos, impaciente. Existem coisas aí que você escreveu que nunca me incomodaram. Felizmente sou uma pessoa com coisas a menos para me estressar.
    Ah, um clichê danado, porém sincero: Boas festas de final de ano. Mesmo que estas sejam em frente ao computador blogando. ;-)

    ResponderExcluir
  2. - Diferente, mas um pouco no jeitão de ser daqui.
    - Certo, "a" de verbo haver, corrigido!
    - Sobre os flames, acho que são saco sem fundo que só dão mindfuck, opinião estritamente pessoal de quem acha improdutivo defender algo que já está escrito.
    - impaciente e exasperante, mas avisei no início que eram coisas banais.
    - obrigado pelo clichê e desejo boas e profícuas blogagens para o ano vindouro!

    ResponderExcluir
  3. sabe porque essa porra de Brasil Nunnnnnnca vai dar certo? Por causa desses nerds idiotas que ficam americanizando os textos e as palavras so pra tentar se parecer um pouco com o povinho estadunidense... isso é o maior saco na internet. Da vontade de dar um tiro na cabeça. Estar incomodado pela caixinha do hotmailzinho estar cheinha de emailzinhos... meu orkutinho... coisa de gente bizonha e sem amigos que pensa que essa maldita inclusa de merda social vai dar a vida pra ele. epode excluir ou nem postar esse comentario. O azar sempre sera de voces.

    ResponderExcluir
  4. Oii
    Moço braboo hein?
    Mtas coisas na net me irrita..
    Inclusao social trouxe mais 'pobrada' pra cá.
    Cada orkt lixo q encontro por ai..
    Foto com legenda: "fim de semana na 'picina' > foto de um bando dentro de uma micro 'bacia'..rsrs

    Agr.. nao entendi essa de telefone te irritar..rs
    Basta deixar de te-lo.
    Pq acabar c o som nao da.. até pq nao tem como advinhar a hr q vao te ligar, pra evitar de ouvir o som..rs
    Põe no vibra..

    Mas se eh telefone fixo mesmo.. aiii ja nao sei!

    Beeijos e boa sorte!

    gostei do blog e to seguindo ;*

    ResponderExcluir
  5. A cultura Geek está na moda, aliás transformou-se numa epidemia.
    Vejo-a com excessiva frequência, (para o meu gosto) em T-shirt, blusões e até em tatuagens.
    Confesso que me impressiona.

    ResponderExcluir
  6. Pois é, meu caro, banalizaram até os termos 'nerd' ou 'geek'.

    Abraços.

    ResponderExcluir
  7. Nas "porras" das redes sociais? Falar palavras sujas e indecentes é um mecanismo de poluição mental.

    ResponderExcluir