Pesquisar

11 de ago de 2011

Fontes flutuantes de visitação: ajudam ou atrapalham o Blog?

Investi bastante por mais de três anos nos chamados linkadores e hoje tenho condições de compartilhar com você algumas experiências bastante esclarecedoras:

- o que determina a força de um Blog é o número de fontes geradoras de um número regular de visitas ao longo do mês;

- isto quer dizer que de nada adianta você receber 50.000 mil visitas num dia, 1.500 no segundo e voltar à sua merreca de cada dia dos 300 gatos pingados no terceiro;

- a razão disto é muito simples: a sondagem métrica realizada pelos buscadores e bots dos sistemas de anúncios priorizam a regularidade em detrimento dos picos de visitação. Além disto, acredito que uma visitação excessivamente cheia de altos e baixos acabe prejudicando o valor da página (CTR) perante os programas de Afiliados;
Como o CTR influi no rankeamento de páginas do Google?

- visitação irregular aumenta muito a taxa de rejeição e quanto menos os usuários visitam outras páginas do seu Blog, menor será a visibilidade nas buscas e menores serão os ganhos nos programas de Afiliados;
Como diminuir a taxa de rejeição.

- a conclusão forçosa é a necessidade de priorização de fontes que gerem visitação regular ao longo do mês e não aquelas que dão algumas explosões espetaculares. Um exemplo de como isto acontece é dado pelo rankeamento no Alexa: enquanto alguns Blogs sem grandes visitações mensais desfrutam de um rank lá em cima, outros com grande valor bruto de visitação estão lá embaixo na hierarquia.

A última constatação versa sobre o verdadeiro papel desempenhado pelos paraquedistas, ou seja, aqueles internautas que caem no seu Blog à procura de um assunto bombástico qualquer (hype) e se esfumaçam segundos depois: fuja deles como o diabo foge da cruz, pois eles só servem para nocautear a sua taxa de rejeição. Portanto, invista em conteúdo consistente e combata permanentemente a tentação de atrair instantaneamente grandes turbas de curiosos que além de não deixarem rastros (tipo de gente que não fideliza), terão o único condão de derrubar os seus ganhos.

Um comentário: