Pesquisar

4 de fev de 2009

TOP 10 dos vícios bizarros.

Antes de tudo, todo o vício é um hábito, mas nem todo o hábito é um vício. O que transforma o hábito em vício é a dependência e a compulsividade, ou seja, é quando a ação passa a fazer parte do terreno fértil dos desvios psicológicos constituído pelos atos de má índole.

1- Vício conectivo.
1-Nomofobia
Foto Crunch Gear.

A curiosa palavra “Nomophobia” oriunda da junção das palavras inglesas “No + mobile + phobia” significa ouvir telefones que não existem, sentir falsas vibrações de celulares, checar compulsivamente emails que não vêm e entrar em depressão com uma súbita baixa no número de ligações recebidas. O medo de ficar sem conexão com o mundo é a nova doença psicológica hiper urbana que aos poucos está invadindo os consultórios médicos.

Uma das sequelas mais devastadoras do vício conectivo foi registrada em crianças européias, que estão sendo internadas em clínicas psiquiatrias devido aos severos sintomas da Nomofobia: diante do decréscimo do número de chamadas, ou torpedos SMS, elas entram em pânico e caem em processo depressivo. O tratamento comumente usado é a suspensão imediata da droga, ou melhor, dos gadgets comunicativos.
Síndrome causada pelo celular é batizada de nomofobia.
Origem do termo Nomofobia.

2- Pagofagia – vício de comer gelo.
2-Pagofagia
Foto Picasa.

Este hábito faz parte do grupo conhecido como síndrome de pica, ou seja, a predisposição para a ingestão de substâncias não alimentares. A compulsão para comer gelo, segundo as pesquisas científicas demonstram, pode ser consequência de baixos índices de ferro no sangue. A adição de vitaminas do complexo B e ácido ascórbico (vitamina C) na alimentação pode ajudar o organismo a absorver maior quantidade de ferro e, portanto, resolver o problema.

3- Coprofagia – vício de comer fezes.
3-Coprofagia
Foto Natural Heath Benefits.
Certamente que esta foto não ilustra com realismo o fenômeno. Por não querer expor o nível escatológico da coisa, preferi ilustrar este vício com um prato alimentício que é quase igual a fezes, a comida lixo, junk food.

O prefixo Copro significa fezes e o sufixo fagia, ingestão. Então, esta palavra composta de origem grega significa ingestão de fezes por homens e animais. Tal hábito acontece mais comumente entre espécies animais e também em insetos. Enquanto nos animais o ato de comer fezes significa alguma deficiência enzimática, nos humanos adultos é categorizado no campo das patologias psíquicas e taras sexuais.

Há muitos exemplos deste vício nas relações sado-masoquistas, em que a coprofagia é usada como fator de modulação da hierarquia entre dominadores e dominados.
Wikipédia.

4- Tanorexia – vício em bronzeamento.
4-Tanorexia
Foto Idivamenphis.

A compulsão pelo corpo bronzeado pode ser equiparada aos vícios mais pesados, tais como álcool, cigarro e drogas. Alem da busca moderna da estética perfeita, um fator realimentador do vício é a sensação de bem estar resultante do ato de ficar horas “torrando” no sol, ou em câmaras de bronzeamento.

A exposição aos raios ultra violeta realmente causa a liberação de endorfina pelo cérebro, tanto que nos países frios os habitantes costumam entrar em depressão nos meses com luz solar escassa. À margem dos benefícios, o problema surge quando a dependência ao prazer do bronzeamento se torna compulsiva.

A polêmica cantora inglesa Amy Winehouse, que já foi viciada em cigarro, álcool, cocaína, crack, maconha, homens, tricô, etc., na metade do ano de 2008 foi acusada de ter adicionado um novo vício à sua já extensa lista: ela comprou uma câmara de bronzeamento na qual passa horas por dia. A justificativa inicial da correção de manchas pelo corpo causadas pelo vício em drogas, aparentemente degenerou num outro vício que tem preocupado os amigos da cantora.
Amy Winehouse está viciada em bronzeamento artificial, diz jornal.
O vício do bronzeado.
Banho de sol 'pode causar vício', diz estudo.
Tanorexia.

5- Papa-defunto – vício em funerais.
5-Vício em Velório
Foto Ponto Cultural.

Calma, não estamos falando de necrofagia, que é o habito de comer defuntos, nem de necrofilia, que é o hábito de transar com cadáveres. Ao contrário, este vício inocente quando comparado com os anteriores, é compartilhado por aqueles que têm compulsão de ir a funerais. Não existe cidade que não tenha as velhas carpideiras, capazes de entristecer qualquer funeral, seja por suas choramingas, seja por sua presença sinistra capaz de irritar qualquer parente que ainda não tenha caído em prantos de raiva.

Os viciados em enterros se consideram enxovalhados quando não são convidados para um enterro, mas nestes casos eles resolvem facilmente a “distração” dos parentes através do seu comparecimento voluntarioso às cerimônias fúnebres, forçando a barra da entrada na qualidade de penetras. (Afina, qual parente vai querer um escândalo no dia da despedida do seu ente querido?)
Leia mais sobre o viciado em enterros de Batatais.

6- Geofagia – vício de comer terra.
6-Geofagia
Foto Every Thing Weird.

Para suplementar a alimentação, os povos das civilizações antigas costumavam recorrer ao consumo de terra. Ainda hoje, comer terra é um hábito comum entre habitantes de áreas remotas e miseráveis que não têm acesso a suplementações minerais na sua dieta.

No Haiti as tortas de barro fazem parte da dieta, sendo que eles têm o cuidado de peneirar a terra para retirar as pedras “não comestíveis”. Uma garota do interior Mongólia se tornou famosa no mundo inteiro por ter comido exclusivamente terra por 11 anos!
Geofagia.

7- Vício em branqueamento de dentes.
7-Vício em Branqueamento dos dentes
Foto Tantoday.

Uma exigência imposta pelos estereótipos modernos de beleza é a necessidade de dentes absolutamente brancos, praticamente azuis. Como todo o vício, este também não poderia deixar de ter seus efeitos colaterais. O uso excessivo de géis branqueadores em aplicações caseiras pode produzir retrações brutais das gengivas, reações alérgicas, sensibilização, fragilização dos dentes e uma série de problemas ortodônticos.

Enquanto o povo se torna escravo do vício do branqueamento, a indústria de produtos odontológicos branqueadores se esbalda com os bilhões de dólares ganhos anualmente, neste caso, a sorte de poucos significa o azar da maioria.
Can Teeth Whitening Become an Addiction?
Sequelas do branqueamento excessivo de dentes.

8- Vício em cirurgias estéticas.
8-Vício em plástica
Outro problema advindo na esteira da ditadura dos estereótipos de beleza é o uso da medicina para fins estéticos. Para exemplificar o mecanismo originador da compulsão pela beleza eterna, ao invés de invocar as celebridades óbvias portadoras desta síndrome, tais como os campeoníssimos Michael Jackson e Jocelyn Wildenstein, vou me deter no caso da atriz pornô americana Tabitha Stevens.

Ela, na qualidade de uma das pacientes mais habituais do programa televisivo Dr. Hollywood que passa na Rede TV, já fez todos os liftings possíveis, assim como passou em revista o resto do menu de procedimentos: lipoaspiração, botox, lifting, lipoescultura, branqueamento de ânus, implantação de próteses, etc.

A sequência de fotos do processo da Tabitha explica melhor: ao iniciar a sua carreira na indústria de filmes eróticos, ela se submeteu a um “upgrade” que lhe deixou no estado da foto do meio. Porém, a compulsão de seguir adiante e melhorar cada vez mais, produz o efeito mais poderoso do que qualquer droga. Seguiram-se os anos, e com a idade chegando a autodenominada viciada tem comparecido com cada vez maior freqüência nas mesas de cirurgia das clínicas mais afamadas de Beverly Hills.

Falta pouco para que a Tabitha entre para a galeria de horrores dos monstros sequelados da cirurgia plástica, enquanto isto, ela engordará as polpudas contas bancárias dos médicos de Holliwood, que convenhamos, têm um altíssimo custo para manter o seu nababesco padrão de vida.
Cirurgia Plástica é mais um vício dos dias de hoje, alerta Dr. Hollywood.

9- Vigorexia – Vício em exercícios físicos.
9-Vigorexia
Tanto a vigorexia, quanto a anorexia compartilham um nicho comum no rol de problemas da psique humana, já que ambas estão relacionadas com distúrbios na auto-imagem. As pessoas vigoréxicas se sentem esquálidas e querem aumentar mais e mais a sua massa muscular. Quando o conseguem a custa de grandes sacrifícios o tão almejado gigantismo muscular, entram num processo de orgulho e ânsia de crescer ainda mais, indefinidamente.

Praticamente todas as vítimas de vigorexia se tornam presas fáceis para traficantes de fármacos conhecidos como anabolizantes e os viciados em tais substâncias acabam enfrentando problemas graves de saúde, tais como o comprometimento irremediável do fígado, pâncreas e rins, além da degeneração cardíaca.

Vigorexia: algo más que simple deporte.
Vigorexia, enfermedad nutricional.
Wikipédia.

10- Tricotilomania - vício de arrancar fios de cabelos.
10-Tricotilomania
Foto Brasil Escola.

As pessoas portadoras deste transtorno arrancam involuntariamente quaisquer pelos do próprio corpo, geralmente das sobrancelhas e cabeça. Os pesquisadores supõem que é causado como uma resposta muito peculiar ao estresse.

Os problemas resultantes deste vício são enormes, basta procurar na Internet pelas palavras tricotilomania e tricotifilia, que denominam os vícios de arrancar e comer cabelos, para ver fotos espantosas de pessoas com terríveis sequelas.

Dra. Shirley de Campos.

Links Relacionados.
World's Wackiest Addictions.
Ingestão de itens não alimentares (Pica).

100 comentários:

  1. Nossa, é cada louco, cada mania... Tricotilomania, no entanto, me parece a mais bizarra (não, eu não acho comer fezes normal), pois é a única não oriunda de motivações estéticas ou taras sexuais, é simplesmente doideira.

    ResponderExcluir
  2. bicho, eu n como mas arranco cabelo da cabeça quando estou nervoso :ss tenho q parar o quanto antes.. valeu pela informação
    abrço

    ResponderExcluir
    Respostas

    1. Mateus eu tmbm tenho tricotilomania e isso e muito difícil .

      Excluir
  3. Eu tenho tricotilomania O.o

    ResponderExcluir
  4. Se não sabem, não falem nem dêm opiniões!
    Só quem tem estes problemas é que sabe como é viver, cada dia, com certas situações que, por vezes, acontecem.
    Eu tenho tricotilomania, mais ou menos desde os meus 11 anos, agora tou com 16. Tenho tido várias sequelas no meu cabelo, mas tento disfarçar o maximo que consigo!
    Não é nada fácil , às vezes choro, grito e questiono-me:" porque é que isto me acontece ?"

    Tou em medicos já há algum tempo mas não tenho obtido grandes resultados. Não vou desistir!!!!

    Um dia, espero conseguir acabar com isto , este impulso que me faz arrancar os meus lindos cabelos!

    Não critiquem ! pois não imaginam o nosso sofrimento!
    :':

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. realmente.... colega.

      Excluir
    2. Sei bem como é isso começei a tirar os cabelos com 9 anos tive vários anos sem mexer e voltou e naum mais parou tenho falhas horriveis e tenho muita tristeza nisso.

      Excluir
    3. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
  5. Apoiado! Quem tem qualquer vício não o exerce por escolha própria. Ninguém se diverte arrancando fios de cabelo, ao contrário, as pessoas devem tomar consciência deste tipo de anomalia justamente para não culpabilizar quem sofre deste mal.

    ResponderExcluir
  6. tenho 29 anos e convivo com a tricotilomania desde de os 9 anos sempre escodi da familia mas a uns 10 anos meu marido descobriu ,ele me dá a maior força pra parar,quando estou trabalhando me sinto bem e paro de comer cabelo ,mas agora estou parada por ter que cuidar dos filhos e fica dificil resistir. No meu caso começei devido a um trauma na infancia,minha mae me disse quando eu tinha apenas 8 anos que meu pai era outro homem e me sinto mal até hoje acho que só vou ter paz quando ela morrer;espero que não demore muito.

    ResponderExcluir
  7. Tenho Tricotilomania desde os meus 17 anos estou com 21 e não consigo parar as vezes fico muito tempo sem arranca os meus cabelos mas quando começa os problemas começo tudo de novo.Não me sinto excluida por este motivo envaro este problema como mais um obstáculo na minha vida e vou vencer....

    ResponderExcluir
  8. Estou muito grato com o desabafo das vítimas de Tricotilomania no Blog, pois o reconhecimento da doença é primeiro passo para o controle e a cura. Isto quer dizer que através destes depoimentos entramos em contato com pessoas reais e problemas reais, que é uma grande arma para lutarmos contra o preconceito.

    ResponderExcluir
  9. eu sou viciada em comer gelo de geladeira

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. e eu em gelados...:(

      Excluir
  10. Nossa e eu que achava que era estranha o.o

    Mas confesso que sinto falta - as vezes - de receber ligação ou e-mail... auhha

    ResponderExcluir
  11. Tricotilomania não é exatamente um vício bizarro. Aliás, trata-se de um distúrbio ainda sem respostas para a psiquiatria. A idéia de que se trata de uma resposta exagerada ao stress também não procede, ele apenas agrava a situação naqueles que já são tricotilômanos, causando crises mais intensas. Definitivamente se trata de algo mais sério do que um simples "vício bizarro", envolve processos químicos, sociais e psicológicos. Vale a pena aprofundar com mais cuidados a questão.

    ResponderExcluir
  12. Venuncia,
    Para o resto da sociedade a tricotilomania é vista como um vício bizarro, tanto quanto roer unhas, ou qualquer outra forma de auto-mutilação.

    ResponderExcluir
  13. eu tenho vício de comer gelo :o
    e tenho anemia ferropriva.

    ResponderExcluir
  14. Muita gente tem tricotilomania e precisa de ajuda. o problema causa vergonha, por isso muita gente esconde, principalmente da família.
    Eu por exemplo, estou fazendo este comentário anônimo. Arrancava cabelos durante muios anos, hoje estou resistindo a essa tentação, com muito sofrimento e preciso de ajuda.

    ResponderExcluir
  15. Tenho tricotilomania jah uns 6 anos e aranco todos os dias não consigo parar de nenhuma forma isso não é um vivio bizzaro não é um doença seria ! as pessaos não tem culpa de terem esse vicio

    ResponderExcluir
  16. gente essa doença é muito triste tricotilomania eu tenho uns 6 anos já e é mtu dificil parar

    ResponderExcluir
  17. Eu tenho tricotilomania ha muitos anos, creio que comecei aos 9 anos. Naquela época fiquei muito assustada pois pequena ainda descobri que estava com uma careca no topo da cabeca. Hoje, aos 41 anos continuo arrancadando, agora estou persseguindo os fios brancos. Percebo que á noite a vontade aumenta e fico, as vezes, verificando como o meu cabelo está no topo da cabeca. Sempre me questionei porque no topo da cabeca? Estava na praia e vi uma garota linda, jovem com uma careca enorme e persebi que a coisa e seria realmente. Nao me considero doente e sei que consigo parar se realmente estiver me prejudicando demais. Mas cada caso e um caso.

    ResponderExcluir
  18. Oi sou mãe de uma menina de 12 anos descobri que ela tem essa doença `` TRICOTILOMANIA ´´Estou preocupada com essas atitudes dela.

    ResponderExcluir
  19. cleide silva26/03/2010 13:21

    Tenho vicio desde criança de comer gelo e não sabia que era a falta de ferro no organismo que me causava esta compusão hoje estou com 34anos e vou começar me tratar graças as informações que encontrei.

    ResponderExcluir
  20. Cleide, é legal você procurar ajuda médica para obter o diagnóstico correto.

    ResponderExcluir
  21. nossa tem muita coisa no mundo que agente não sabe que é vicio é uma doença muito grave por isso devemos ter cuicado cm tudo que fazemos na vida.

    ResponderExcluir
  22. tenho vicio de comer gelo da geladeira
    deviam ter colocado os males :(

    ResponderExcluir
  23. A propósito do seu post sobre a Tricotilomania, convido-vos a todos a visitar o meu blog que relata a minha vivência com esse problema.
    http://omeumundocomtrico.blogspot.com/

    Tenho 26 anos e tenho TTM desde os 11.

    Sou portuguesa, mas cá em Portugal não existe muita informação sobre a doença, infelizmente.

    Beijinho,
    Ana

    ResponderExcluir
  24. A luta contra a tricotilomania é eterna. É uma boa sugestão os pacientes deste mal trocarem suas experiências de resistência.

    ResponderExcluir
  25. euh tenho TRICOTILOMANIA e hoje fikei sabendo q isso era uma doença, no entanto achava q era apenas uma mania de uma unica pessoa no mundo, naum imaginava o tamanho da besteira, mais euh não consigo parar de arrancar eles, pare q meus dedos arrancam sozinhos, até q começei a reparar quando euh estava limpando a ksa q havia massos de cabelos, meus. Mais depois euh começei a jogalos pela janela ou guarda-los nos bolsos, e não consigo paarar, até ja cortei meu cabelo, mais naum adiantou, euh tinha meu cabelo enorme e cortei bem curto para ver se parava mais não adiantou, mais euh não quero contar para os meus pais, tenho vergonha, oq euh posso fazer? Beijookas

    ResponderExcluir
  26. Você tem que assumir sim a sua compulsão, tem que contar para os pais e pedir ajuda para que eles a encaminhem ao atendimento psiquiátrico.
    Ninguém é obrigado a conviver o resto da vida com o sofrimento psicológico causado pela compulsão e vergonha não adianta nada.
    A psicoterapia não deve ser encarada como o fim do mundo e sim como o começo de uma nova vida e você precisa se tratar urgentemente.

    ResponderExcluir
  27. anonimo
    Eu tb to com essa mania de comer gelo, coloco vasilhas plasticas na geladeira pra fazer gelo e eu comer. Alguem sabe o mal que faz?

    ResponderExcluir
  28. Quem adquire a mania de comer gelo deve procurar o médico, pois pode significar uma carência vitamínica, mais ainda se você odeia frutas e saladas.
    O principal prejuízo de se comer gelo é a destruição dos dentes por choque térmico.

    ResponderExcluir
  29. Ola meus amigos! Eu sei que e super dificil aceitar que temos algum vicio ou mania...O importante e saber que tudo que e demais e foge de nosso controle;e um grito de socorro!!!!O primeiro passo e aceitar ajuda, e convesar a respeito, por favor amigos!!! procurem ajuda, mas ajuda de um proficional, para que possa analizar com certeza por onde comecar. Tudo na vida tem solucao, nunca ache que voce esta sozinho, pois pode ter certeza que ao seu lado existem pessoas que te amam, e gostaria de ter oportuninade de ajuda-lo. Um forte abraco! E que Deus os protejam.

    ResponderExcluir
  30. Ola!! Gostaria de pedir para voce que percebeu alguma coisa que o esta incomodando, nao se esconda atraz de um preconceito que pode estar so em voce!!!! saiba que nimguem e perfeito....
    mas temos que pedir ajuda sim!!Quando voce conseguir dar o primeiro passo para essa liberdade, vai descobrir a forca que existe dentro de voce!!! Um forte abraco a todos.

    ResponderExcluir
  31. Eu sofro muito disso tambe,.Eu fico muito anciosa e começo a arranca os cabelos sei la e estranho parece ke nao estou em mim tem vezes ki eo fiko 2 hs arrancando sem parar...E quando acordoo olho pro chao ou pra cama e vejo forrado d ecabelo..
    Mas so arranco os cabelos ki estao nascendo hj tenhu muita vergonha porke tenhu um formato de uma coroa enorme na cabeça de careca..=/
    E tento tento tento mas nao consigoo e moorro de vergonha do meu namorado descobrir tento disfarçar mas as falhas ja estao muito visivel=/

    ResponderExcluir
  32. Ninguém merece viver sofrendo com o Transtorno Obsessivo Compulsivo http://pt.wikipedia.org/wiki/Transtorno_obsessivo-compulsivo
    Não é culpa sua e não tenha vergonha da sua doença. É um mal tratável que, se não for curável, pode ser controlado para devolver uma vida digna.

    ResponderExcluir
  33. Tenho 57 anos e sofro de ttmania desde criança.Já cheguei a pensar que era só eu que fazia isso...sofria mto e ainda me incomoda muito...mas ouvi num programa de tv que o caso da ttmania é de um gene desordenado, não é toc, mas esse gene nos "obriga" a repetir o ato de arrancar fios, e no cabeleireiro, que vergonha...

    ResponderExcluir
  34. meu Deus ja nao aguento mais viver essa loucura estou toutalmente careca norro de vergonha presizo de ajuda

    ResponderExcluir
  35. A tricotilomania pode ser tratada se o paciente se submeter à terapia psicológica adequada. Na raiz do problema há uma profunda ansiedade.

    ResponderExcluir
  36. Eu também tenho esse problema de arrancar cabelos, sensação é boa, mas ao mesmo tempo é ruim só de olhar no espelho e ver que o meu cabelo não está mais ali. É horrival...

    ResponderExcluir
  37. Nossa!!!! Cada coisa que existe por aee....oO
    Esse vício de comer fezes eu não sabia...oO


    Parabéns pelo blog!!!

    http://xtudocomhumor.blogspot.com

    ResponderExcluir
  38. Dora,
    um cara dizia que a mente humana é uma fábrica, coisa veramente constatável nessa lista.

    ResponderExcluir
  39. Eu tenho 37 anos e o meu marido acabou de falar comigo que isso é falta de vergonha ,mas eu não consigo parar de comer gelo!Estou super gripada e com a garganta inflamando mas não consigo abandonar o gelo!Só de falar minha boca está cheia d'agua, e qndo estou nervosa duas dúzias uma atrás da outra fica pouco p mim.As vezes me chateia pq eu não consigo ver isso como natural. Sei que há algo errado mas não consigo evitar,qndo subo escadas me falta ar, qndo ando um pouco mais tb me falta,e agora esa tosse que nunca tive, mas mesmo assim não consigo parar...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa.... tenho 35 anos e mastigo gelo desde criança. todas as tentativas de tentar parar foram frustadas, realmente eu tive uma forte anemia, mas fiz tratamento e ñ parei pelo contrário fiquei pior, e agora levanto até de madrugada para mastigar gelo, parece q meus dentes nem doem mais, e o pior é q minha filha de 14 anos está com a mesma mania sinto um pouco de culpa sei que isso foi exemplo meu. eu queria uma solução, as vezes eu me desespero com a situação.

      Excluir
  40. A Pagofagia, ou síndrome de Pica, pode ser resultante de deficiências nutricionais e até ter como causa distúrbios psiquiátricos. Você deve procurar tratamento médico.
    http://www.pergunte.info/questao/a-pagofagia-pode-subsistir-sem-estar-associada-a-anemia-

    ResponderExcluir
  41. Sofro a quase 20 anos de tricotilomania como quase todo mundo,pensei que eu era a unica a fazer tal coisa,hoje lendo esse blog e outros percebi que milhares de pessoas sofrem como eu,se não bastasse tambem como gelo,não os cubinhos mas aquele branquinho que ficam presos no congelador,ja tentei de varias formas para parar coma trico e com o gelo mas sozinha não consigo,me ajudem por favor,não aguento mais me olhar no espelho.

    ResponderExcluir
  42. No momento em que você descobriu que não está sozinha e que não se trata de "má vontade" e "preguiça" da sua parte, está apto a procurar uma terapia psicológica sem a vergonha muito comum nestes casos.

    ResponderExcluir
  43. Pois é essa tricotilomania me atormenta a 4 anos
    e não consigui parar ainda mais sei que vou conseguir com ajuda de Deus e muita força de vontade!!

    ResponderExcluir
  44. to sofrendo com a tricotilomania faz 15 anos

    ResponderExcluir
  45. CONSEGUIR "PARAR " DE ARRANCAR OS MEUS CABELOS QUANDO COMECEI A LER E VER FOTOS DE PESSOAS QUE FICARAM CARECAS . NÃO TENHO FALHAS, MAS AINDA MASTIGO OS CABELOS ATÉ QUEBRAR , MANTENHO SEMPRE DO MESMO TAMANHO DE TANTO QUE MASTIGO OS CABELOS . E QUANDO CAI UM FIO , EU NÃO JOGO FORA EU DESTRU-O TODO NA BOCA ATÉ SUMIR ,ESSA ATITUDE ME DEIXA RELAXADA E CALMA .. DAI A EXPLICAÇÃO DE NÃO QUERER PARAR .. QUEM NA VIDA NÃO GOSTARIA DE SENTIR UMA CALMA E RELAXAR ... ISSO EU SO CONSIGO DESSA FORMA .... É LAMENTÁVEL .
    O QUE ME PREOCUPA É QUE AS PESSOAS SE SENTEM ENCOMODADS COM O SOM QUE SAI DOS DENTES E OS CABELOS MASTIGADOS ... LEVO MUNTO TAPAS NAS MÃOS ... MAS MESMO ASSIM ... NÃO CONSIGO

    ResponderExcluir
  46. Sarah,
    então você não parou com a tricotilomania, só a transformou. A raiz da compulsão é uma ansiedade de tamanho abismal que deve ser combatida a todo custo. Neste caso, a compulsão serve como válvula de escape.

    ResponderExcluir
  47. Coprofagia, vide(NãO!) 2 girls 1 cup

    ResponderExcluir
  48. Ian Pablo,
    esta coisa de "2 girls 1 cup" é revolta o estômago e demonstra o quão baixo pode descer a demência humana.

    ResponderExcluir
  49. sandra torres28/09/2010 12:34

    fazem 17 anos que sou "viciada"em comer gelo.as vezes me esqueço da alimentação normal e como gelo o dia todo.tabuleiros ficam no freezer enquanto devoro o gelo de outro.e quando preciso sair de casa,chego a sentir tremores pela falta do gelo.
    gostaria muito de me livrar deste vício!!!!

    ResponderExcluir
  50. As causas da Pica ou Pagofagia podem ser clínicas, por exemplo, ferropriva - deficiência de ferro: http://www.medcenter.com/Medscape/content.aspx?bpid=15&id=433
    No texto do link acima explica as formas de tratamento e diagnóstico.

    ResponderExcluir
  51. olá eu sofro dessa doença chamada tricotilomania,eu arranco meus cabelos desde os meus 13 anos de idade,hoje estou com 32 anos e não consigo parar...no inicio eu escondia de todos da minha familia...mas hoje eles sabem e tentam me ajudar,mas eu escondo apenas de pessoas estranhas...
    devido a eu arrancar tanto fios,hoje já tenho cabelos brancos e são os que mais me atraem
    gostaria de parar e saber como eu posso me livrar desse mal

    ResponderExcluir
  52. A melhor abordagem para o seu caso é a psiquiátrica, pois deve ser atacada principalmente a ansiedade e posteriormente outras causas. É provável que no início seja necessária uma intervenção farmacológica.

    ResponderExcluir
  53. eu tenho o vicio de comer argila, barro, tijolo, mais nao sao todos os tijolos nao, so os molinhos.. quando eu era crianca com uns 8 anos eu comercei a comer a parede do meu quarto e fui aprofundando o furo ate que cheguei no tijolo e fiquei louca... adoro o cheiro que eh liberado quando entra em contato com minha saliva.. eh como cheiro de chuva batendo na terra. dai eu experimentei argila e fiquei mais viciada ainda, compro argila mole e faco biscoitinhos asso no forno e guardo um pote, tento me controlar para nao comer o pote todo.. a muitos anos atraz eu ja comi muito GIZ de escola tambem, mais depois fui parando. tenho anemia, mais quando comecei a comer argila minha anemia sarou.. e a argila me faz tao bem, que eu nem ligo para mais nada.. eu tento parar mais nao consigo, hoje tenho 26 anos e um filho muito saudavel, sempre faco exames e minha saude eh muito boa, levo anos para ter uma febre.. obrigada pela atencao!

    ResponderExcluir
  54. ola o meu vicio é comer giz, desde que tinha os meus 8 anos que como giz... agora tenho 18 e continuo a comer giz...já tentei parar várias vezes mas é em vão...só gostava de saber se comer giz faz mal?...

    ResponderExcluir
  55. Comer giz ou qualquer outra substância não comestível faz parte transtorno mental denominado PICA. É claro que não traz nenhum bem para a pessoa, ao contrário, é uma doença que deve ser tratada, pois implica em grande sofrimento psíquico resultante do binômio prazer/culpa.
    Certamente ninguém consegue parar sozinho este tipo de compulsão.

    ResponderExcluir
  56. Pagofagia – vício de comer gelo.
    Olá, há mais ou menos há 12 anos adquiri o vicio de comer gêlo. Tenho anemia constantemente, mas pior ainda é a vergonha que tenho passado quando estou com meus amigos e é servido um suco com gêlo. Enquanto eles se deliciam com o suco eu estou a mastigar o gêlo. Acordo no meio da noite para comer esse bendito. Meus filhos brigam comigo o tempo todo, me policiam, mas sempre consigo driblar a eles. Me fez muito bem encontrar essas informações aqui neste site..UAU, consegui desabafar

    ResponderExcluir
  57. Sou louca por gelo!!!

    ResponderExcluir
  58. Desde minha pre-adolescencia como giz de escola.Sempre comi muito, comprava caixa de giz em papelarias. Hoje aos 35 anos nao como mais. Faz mais de um ano que decidi nao comer mais, pois imagino que nao estivesse sendo nada bom para meu aparelho digestivo. Às vezes sinto vontade de comer, mas quando essa vontade vem, no mesmo minuto procuro fazer outra coisa.
    Abraço a todos

    ResponderExcluir
  59. Ola!tenho 35 anos anos e desde criança tenho vicio de comer tijolos,essa vontade as vezes some e fico anos sem comer mas já fazem 8 anos que voltei a comer e a vontade sóvem aumentando ,percebo que quando estou ansiosa a vontade é mais forte tenho vergonha desse habito por isso como escondido queria parar mas nao consigo depois que eu como um pedacinho de tijolo isso me acalma ,porem tambem sinto muitas dores de estomago POR FAVOR ALQUEM ME RESPONDA O QUE É ISSO????

    ResponderExcluir
  60. Olá comedora de tijolos! A sua geofagia deve ter uma abordagem interdisciplinar:
    1) nutricional - devem ser feitos exames para determinar se você não tem carências minerais e vitamínicas importantes;
    2) psicológica - caso a parte orgânica esteja normal, a investigação deve se aprofundar nos fatores psíquicos tais como ansiedade, compulsão, transferência afetiva, etc.
    Leia mais neste texto: http://www.lacle.com.br/sub/C_Saude.asp?id=119

    ResponderExcluir
  61. Tenho 39 anos e desde a adolescência eu mastigo giz. Gosto do cheio e da textura do giz na minha boca, no entanto não engulo. Aoós mastigar eu cuspo, mas confesso que gosto e engolir pequenas partículas que ficam em minha boca.

    ResponderExcluir
  62. Mastigar giz me acalma e me dá uma sensação de tranquilidade. escondi este vício por muito tempo, pois reconheço que é realemnte algo estranho (ou bizarro). Hoje meus familiares e amigos próximos sabem de meu vício, mesmo assim para mim é algo muito constrangedor. Há períodos longos em que não mastigo giz, mas também há períodos que não consigo ficar um dia sequer sem mastigar gizes. O mais estranho de tudo é que procuro ser seletiva na escolha da cor (só mastigo os de cores branca, jamais gizes coloridos!) e até mesmo da marca. Quando vou comprá-los, escolho cuidadosamente a caixa (verifico o estado e caso da caixa se está suja ou empoeirada e caso aparente uma condição de sujeira ou mal conservada eu escolho uma que aparente boas condições de higiene). E quando possível (caso acaixa não esteja lacrada com fita adesiva) eu abro a caixa e verifico se os gizes estão bem branquinhos e secos (pois as vezes por causa da umidade o giz perde um pouco da rigidez, além de verificar a composição. Já que sei que pelo menos uma pequena quantidade é ingerida e tenha plena consciência de que giz não é um produto comestível, e, portanto, deve causar algum dano ao aparelho digestivo a longo prazo, faço o máximo para evitar que também contanha outros produtos além da gipsit por isso, geralmente evito os que tem plastificante, pois não sei os efeitos que este aditivo pode causar ao meu aparelho digestivo (embora como eu já tenha dito, eu não engulo o giz depois que o mastigo).
    As vezes me sinto um E.T e me pergunto: porque tenho esse vício tão estranho? Mas sigo mastigando giz mesmo assim.
    Ah! Eu também mastigo gelo e só tomo água extremamente gelada e com gelo mesmo em épocas de frio ou quando estou gripada ou com crises de garganta.
    Faço várias pequeisas para entender melhor essa minah compulsão e até mesmo li um livro entitulado "Os comedores de Giz". Gostaria de manter contato com pessoas que tenham esse mesmo hábito "maluco" que eu tenho.

    ResponderExcluir
  63. natalia cristina coelho26/06/2011 10:49

    ola gente tenho11 anos posso ate nao entender mas sei que voces estao tentano superar isso fique calmo e nao tenha pressa com nada pois um dia tudo acabara bjs natalia

    ResponderExcluir
  64. TENHO TRICOTILOMANIA ,DESCOBRI A DOENÇA DEPOIS QUE VI UMA REPORTAGEM NA TV ,E PESQUISEI .
    COMEÇEI A ARRANCAR O FIOS DE CABELO HA 6 ANOS,DEPOIS QUE MEU EX(PRIMEIRO NAMORADO COMEÇOU A ME TRAIR,E LOGO DEPOIS TERMINOU COMIGO !MINHA ACHA SEMPRE BRIGAVA COMIGO,JA CHEGOU ATÉ A ME DAR TAPAS, ELA ACHA QUE EU SOU DOIDA .MAIS AGORA NÃO TENHO CORAGEM DE FALAR PRA ELA DO SE TRATA ...POIS TENHO VERGONHA ! TENTO PARAR MAIS NÃO CONSIGO !!! QUEM SABE UM DIA EU VOLTE A SER NORMAL .E FELIZ

    ResponderExcluir
  65. TENHO TRICOTILOMANIA ,DESCOBRI A DOENÇA DEPOIS QUE VI UMA REPORTAGEM NA TV ,E PESQUISEI .
    COMEÇEI A ARRANCAR O FIOS DE CABELO HA 6 ANOS,DEPOIS QUE MEU EX(PRIMEIRO NAMORADO COMEÇOU A ME TRAIR,E LOGO DEPOIS TERMINOU COMIGO !MINHA MÃE SEMPRE BRIGAVA COMIGO,JA CHEGOU ATÉ A ME DAR TAPAS, ELA ACHA QUE EU SOU DOIDA .MAIS AGORA NÃO TENHO CORAGEM DE FALAR PRA ELA DO SE TRATA ...POIS TENHO VERGONHA ! TENTO PARAR MAIS NÃO CONSIGO !!! QUEM SABE UM DIA EU VOLTE A SER NORMAL .E FELIZ

    ResponderExcluir
  66. Eu como gelo todo dia(3 formas) e nao e nada a ver com ferro e pq eu gosto msm^^ eu tb gosto de macarao cru entre outras coisas bizarras

    ResponderExcluir
  67. Mim chamo marceliny eu arranco meus cabelos deis dos meus 12anos hoje estou com 25 eu morro de vergonha eu não queria ser assim.fiquei sabendo que isso era uma doença a pouco tempo , porque pesquisei na internete sobre pessoas que arrancão seu proprio cabelo,nunca conversei isso com ninguem porque morro de vergonha de ser essa aberração que eu sou.E a primeira vez que eu falo abertamente desse assunto que tanto me incomodo e mim deixa muito triste.Ja pensei muitas vezes em rapar meus cabelos,pra ver se eu paro de arrancar,mas choro e na hora não tenho corage.Eu não queria nunca que isso acontecese comigo,e sou muito infeliz porque não consigo parar com essa doença de arrancar meus proprios cabelos,eu não queria ser assim.Mas não e facil pra ninguem que tem essa doença orrivel.

    ResponderExcluir
  68. Marceliny,
    necessariamente você não precisa ter vergonha e sofrer por padecer de uma doença. O que você deveria fazer para evitar este sofrimento inútil é iniciar uma terapia psiquiátrica ou psicológica.

    ResponderExcluir
  69. nossa minha tia tem o problema de comer gelo a toa todo dia.ela nao para.pede pra q ajudem ela mas ninguem consegui fazer nada...isso e um vicio bisarro mesmo deve ser algum problema ou sei la.....

    ResponderExcluir
  70. Ela tem um transtorno mental sim e deveria ser tratada.

    ResponderExcluir
  71. comer gelo p mim me alivia a sede,foi o melhor caminho p me acalmar e aceitar esse raio de diabetes.estou so começando .

    ResponderExcluir
  72. Quem tem diabetes deve abandonar absolutamente o açúcar branco refinado e TODOS os adoçantes artificiais tais como aspartame, sucralose, cliclamato, acesulfame K, sacarina sódica, sorbitol, etc. Além disto, adotar uma dieta rica em produtos integrais e orgânicos, com ênfase principalmente no feijão azuki, moranga, arroz integral, saladas cruas, etc.

    ResponderExcluir
  73. adoro comer gelo ja tentei mais nao consigo parar me da uma sensacao de bem estar

    ResponderExcluir
  74. como gelo toda hora que abro a geladeira guando abro ageladeira da casa dos outros eu sofro muito

    ResponderExcluir
  75. e gelo no almoco e gelo no jantar gelo ta virando complemento alimentar

    ResponderExcluir
  76. uma mulher infeliz17/10/2011 20:34

    Eu não arranco os cabelo, mas corto ,passo ate a maquina,tenho 46 anos, começou com 25,por causa desse problema, não saio de casa, não me divirto, fico dentro do meu quarto, o tempo todo,tomo remedios ´pois o psiqiiatra receitou nunca fiquie boa,acho que vou morrer assim ,sou muito infeliz, doi o meu coração.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. ligue para mim .area 18 3839 1215 . estado de sao paulo

      Excluir
  77. Obrigada pelas informações, é sempre bom saber o que mais o ser humano pode ter em questões físicas e psicológicas...

    ResponderExcluir
  78. EU ESTOU VICIADA EM COMER GELO DEPOIS QUE TIVE SANGRAMENTOS DEVIDO A UM PROBLEMA UTERINO ,E HOJE AMO FAZER ISSO , MA S SEI QUE NÃO É BOM PARA MEU DENTES ,PORQUE NÃO ME SINTO MAL COM ISSO NÃO ME FAZ MAL TAMBEM , MAS ACHO UE TODOS DEVEMOS PROCURAR UM TRATAMENTO PARA O MAL QUE NOS ATINGEM SEI QUE É TERIVEL AS PESSOA S TEREM VICIOS DE VARIA S ESPECIES E ENTENDO ISSO SOU DA SAUDE E SOU SOLIDARIA ,ESPERO QUE VOCES CONSIGAM SE LIVRAS SE SEUS PROBLEMA S BEIJOS

    ResponderExcluir
  79. Você deve ter problema crônico de anemia. Comer gelo representa uma verdadeira catástrofe para os dentes.

    ResponderExcluir
  80. Eu tenho tricotilomania desde 12 anos, hoje tenho 21. eu tenho muita vergonha de falar com um psicólgo ou outro profissional, minha cabeça já estar deformada devido a essa doença se é assim que posso chamar. eu tento parar digo q não irei mais fazer, mais quando mesmo espero me pago arrancando os cabelos, acreditem não é mentira e sim pura realidade sinto muito por mim e pelos outros q sofrem do mesmo problema.

    ResponderExcluir
  81. Você não conseguirá superar o problema sozinha, vai ter que superar a vergonha e procurar ajuda médica.

    ResponderExcluir
  82. sou viciada em comer gelo do congelador como todos os dias e é uma delicia,,,,

    ResponderExcluir
  83. Tenho viçio de comer gelo,moro no Japão,agora na época do frio fica ruim pra mim, pois sinto muito frio, mas mesmo assim não consigo parar,acordo no meio da noite pra comer gelo,estou procurando uma forma de parar mas não consigo, por favorme ajudem,moro no Japão, qual o tipo de medico querendo que procurar?

    ResponderExcluir
  84. eu como gelo todo dia;estando com anemia ou nao,me conforta me alivia

    ResponderExcluir
  85. NÃO SEI QUAL O NOME DA MINHA DOENÇA MAIS EU TENHO MANIA DE COMER CERA DE OUVIDO E JÁ COMI TODA MINHA LÍNGUA HOJE JÁ NÃO FALO MAIS E MUITAS VEZES COMO CATOTA!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que nojooooooooooooooooooo!!!!!!!!!!!!!!!!1

      Excluir
  86. Como gelo praticamente todos os dias, e não sabia que era uma doença, será que tem tratamento pra isso?

    ResponderExcluir
  87. Como gelo praticamente todos os dias, e não sabia que era uma doença, será que tem tratamento pra isso?

    ResponderExcluir
  88. Como gelo praticamente todos os dias, e não sabia que era uma doença, será que tem tratamento pra isso?

    ResponderExcluir
  89. Como gelo praticamente todos os dias, e não sabia que era uma doença, será que tem tratamento pra isso?

    ResponderExcluir
  90. Como gelo praticamente todos os dias, e não sabia que era uma doença, será que tem tratamento pra isso?

    ResponderExcluir
  91. Como gelo praticamente todos os dias, e não sabia que era uma doença, será que tem tratamento pra isso?

    ResponderExcluir
  92. eu tenho um vicio de comer gelo e tenho anemia, tomo ferro mas a vontade de comer gelo nao passa :( tenho isso a uns 4 anos

    ResponderExcluir