Pesquisar

30 de dez de 2009

Top 10 Imagens Marcantes de 2009.

Uma vez que as imagens valem por mil palavras, são elas que dão o tom do patético deste ano que se encerra: o mundo vê muitos esforços pela guerra e nenhum interesse de nos tornarmos simplesmente habitantes do planeta terra. O fracasso da Conferência do Clima realizada em Copenhague foi um epitáfio justo para o ano mais quente de todos os tempos.

1) Geyse Arruda: aluna anônima da UNIBAN alça o estrelato instantâneo, turbinada por uma minissaia rosa.
Geisy Arruda a vez das barangas
No eterno reality show bancado pela imprensa, que tem bunda vai à Roma.

2) Gripe suína: o Brasil descobre que foi muito barulho por nada.
Gripe suína Muito barulho por nada
Descobriu-se que a guerra do trânsito mata muito, muito, mas muito mais do que milhares de gripes suínas. E contra esta, o governo não paga o Dr. Bactéria para falar em rede nacional no horário nobre.

3) Pouso no Rio Hudson: um jato convertido em planador por um bando de pássaros aterriza em segurança nas águas gélidas de Nova Iorque.
Hudson Landing
[SMG]
Milagrosamente, todos os passageiros e tripulantes ressuscitaram dos mortos.

4) Eleição de Barack Obama: o mundo descobre que ele não é o Superman.
Obama não é o Superman
Ele é o Senhor da Guerra, apesar de ter ganhado o prêmio Nobel da paz, ele é o bicho papão maior emissor de gases de efeito estufa do planeta e se recusou a compactuar na COP 15, enfim, ele decepcionou a humanidade.

5) O fim do Geocities: o Yahoo assassina a história da Internet.
Geocities é assassinado: a nerdlândia está de luto
A nerdlândia está de luto, pois perdemos as referências de toda a WEB 1.0 construída ao longo da década de 90.

6) Michael Jackson: o Show Business assiste o inventor do Thriller virar zumbi.
Michael Jackson vira zumbi
Ele foi reconduzido do ostracismo das suspeitas de pedofilia ao topo das paradas de sucesso. Como? Morrendo.

7) Susan Boyle: o mundo descobre que os feios também cantam.
Susan Boyle a vez dos feios
A protagonista do vídeo do Youtube mais visto de todos os tempos, merece uma menção especial por ter divertido 120 milhões de almas deste vale de lágrimas.

8) Fumo: o governo de São Paulo dá um cheque mate nos fumantes.
São Paulo pela alforria dos fumantes passivos
A lei que tenta alforriar o fumante passivo é o marco da liberdade individual mais importante neste país desde a Lei Áurea.

9) Arruda e o Panetonegate: Brasil insiste em continuar sendo uma republiqueta das bananeiras por não erradicar corrupção sistêmica.

Brasília merece o título de capital mundial da impunibilidade.

10) Fracasso da COP 15: o mundo não renuncia ao suicídio consumista.
COP 15: Fracasso

Assistimos estarrecidos que a preocupação mais evidente em Copenhague foram as questões econômicas. Quem perde, quem ganha e quem paga sobrepassa toda a tragédia ecológica que se avizinha.

9 comentários:

  1. Muito bom seu blog, amigo.

    Passei para dar uma conferida, notei muitos tópicos de extrema relevância e de grande interesse.

    Uma aula de blogagens, sem apelação.

    Parabéns.

    ResponderExcluir
  2. Pois para mim foi uma grata surpresa o Made in Blog (referido na foto do Geocities). Um blog sem medo de semântica.

    ResponderExcluir
  3. Linda retrospectiva.
    Temas realmente que marcaram o ano e com imagens bem legais, parabéns!

    ResponderExcluir
  4. Ano sensacional, sem dúvida. O piloto do Rio Hudson fica no topo do meu Top 10, sujeito vai ser foda assim na casa do demo!

    E agora, vamos esperar os 365 dias seguintes tentarem superar isso aí...

    ResponderExcluir
  5. É.Senti que o post tem um quê de revolta sobre a questão do clima.É realmente lamentável.Porém,devemos levar em consideração o seguinte,não são os porcos capitalistas selvagens que vão salvar "o nosso planeta" sim eu e vc,pessoas comuns,anônimas.Aindo sou otimista de que a mudança virá de baixo pra cima e não o contrário.

    ResponderExcluir
  6. É por aí que a coisa vai, já que os nossos líderes não prestam, tudo recai sobre os nossos ombros.

    ResponderExcluir
  7. Muito legal mesmo os temas da retrospectiva!!!
    Parabéns!!

    ResponderExcluir
  8. Em Dezembro de 2009 assistimos ao acordo não vinculativo da cimeira de Copenhaga.
    Segundo o acordo, os países que o adoptarem "prometem" fazer mais esforços para combater as alterações climáticas, mas," sem qualquer compromisso legal ".
    Emergiu de um consenso entre os Estados Unidos, China, Índia, Brasil e África do Sul.
    Uma tentativa de última hora para salvar a cimeira, até então bloqueada devido a diferendos entre países desenvolvidos e em desenvolvimento.
    Porém, vários países em desenvolvimento contestaram o processo.
    Uma forma de reconhecerem que algo existe, mas não a ponto de dizerem que se tornam parte para as alterações climáticas. Nesta síntese estão duas referências inquietantes quanto às convicções e propósitos dos responsáveis políticos, uma que diz respeito ao horizonte temporal, outra que respeita à ajuda aos povos mais vulneráveis.
    Transformar,em algo que seja real,mensurável e verificável é apenas um sonho do comum dos mortais.
    O poder económico sobrepõem o politico. Não tenho dúvidas. Quando se inverte isto? Não tenho resposta.
    Quanto a nós, somos simples peões no tabuleiro de xadrez do poder económico.

    Protestamos, manifestamos a nossa indignação, mas, não temos sucesso. O que fazer então?
    Fica a pergunta.

    ResponderExcluir
  9. Enfim encontrei um blog que vale a pena, calcado não apenas no humor fácil(embora às vezes curta alguns). Meus sinceros parabéns.

    ResponderExcluir