Pesquisar

4 de nov de 2010

Nerd apanha do mundo e vira personagem do WOW.

The Red Shirt Guy
No Blizzcon 2010 (encontro promovido pela Blizzard, empresa fabricante do jogo World of Worldcraft) um rapaz tomou o microfone e fez uma pergunta devastadora para os dois maiorais: Chris Metzen (vice-presidente de criação e Alex Afrasiabi (chefe de desenho). Até aí tudo teria sido normal, não fosse as especialíssimas características do rapaz, cujo vídeo se espalhou como viral na Internet sob o codinome "o rapaz da camisa vermelha" (the red shirt guy).

Sua voz monocórdia, seus olhos parados e a expressão robótica renderam-lhe inúmeros "flames" na rede e uma multidão de avacalhadores (haters). Só que há um detalhe...


O sujeito, como a esmagadora maioria dos Nerds reais, é portador da Síndrome de Asperger e naquele momento, nada mais, nada menos, estava exercitando o seu ultra-poder de concentração num único assunto, possivelmente babaca para o resto da humanidade. No vídeo, ele obtempera que o personagem do jogo (NPC) Falstad Wildhammer havia sobrevivido no livro "The Shattering" (que conta a história do jogo) e esteve vivo até a expansão anterior (Wrath of the Lich King). Ora, em Cataclysm (expansão atual) o NPC havia simplesmente sumido! A revelação da omissão foi simplesmente genial e os criadores ficaram embasbacados.

O vídeo-resposta do rapaz da casa vermelha apenas evidencia o que é ululantemente constatado no vídeo acima: ele confessa que sofre do distúrbio mental denominado Síndrome de Asperger.


Por causa do comportamento esquisito e estereotipado, pessoas como essas costumam ser execradas e banidas dos grupos sociais. Se você se der ao luxo de ler alguns dos milhares de comentários feitos no vídeo da pergunta no Blizzcon, verá como o moedor de carne da opinião pública entra em ação transformando o Nerd em picadinho.

Para você entender melhor o que significa conviver com esta doença, aqui vai o depoimento tocante de um portador da Síndrome de Asperger.


A resposta à altura dos detratores teria sido esta, se por acaso o rapaz da camisa vermelha tivesse índole mais sanguínea, como este outro rapaz tem de sobra.


O final feliz desta história é que o Nerd em questão ganhou, por conta da falha extrema apontada no roteiro do WOW, um novo personagem do jogo(NPC) em sua homenagem chamado Wildhammer Fact Checker.

Jogador questiona Metzen e vira NPC!
Jogador que relatou falha vira personagem do ‘World of Warcraft’.

10 comentários:

  1. Vc poderia me falar o q ele disse eu não sou muito bomd e Ingles vlw

    ResponderExcluir
  2. O cara explica (tenta explicar) a sua voz estranha, a sua expressão robótica, etc, atribuindo isto aos fatos dele ter se atrapalhado com o retorno da sua voz através dos auto-falantes e do extremo nervosismo pela aparição pública, sendo filmado, etc.
    Logo em seguida (a parte mais importante), em resposta ao debate estabelecido em torno da sua saúde mental, ele declara que é sim portador da Síndrome de Asperger "da qual não há mais nada o que dizer - ... of what I'll not talk anymore".
    O interessante desta Síndrome, uma espécie leve de autismo, que apesar de não incapacitar o indivíduo nem socialmente e nem laborialmente, pode torná-los suscetível a se transformar em saco de pancadas.
    Alguns Aspergianos até constroem com sucesso uma imagem pública em torno do seu comportamento estereotipado, tipo o PC Siqueira, mas a maioria que se expõem é apedrejada.

    ResponderExcluir
  3. "A resposta à altura dos detratores teria sido esta, se por acaso o rapaz da camisa vermelha tivesse índole mais sanguínea, como este outro rapaz tem de sobra."

    Pelo que entendi, esse rapaz zangado é portador da síndrome, o que contradiz o entendimento anterior de que eles são motivo de chacota, já que não se defendem.

    ResponderExcluir
  4. O rapaz zangado, um "ginger" (ruivo, tido como inferior intelectualmente e idiota nas sociedades da Europa Urban Dictionary) segundo seus detratores, se defende enfaticamente porque é motivo de chacota por sua cara realmente gozada.
    Agora, ter Asperger não significa não conseguir ficar brabo, já que a principal característica desta doença é não conseguir ler a modulação emocional das pessoas. Um Asperger típico dificilmente entenderá se você está dizendo uma coisa e tentando expressar outra. Isto é muito comum nas relações humanas, quando o principal componente da comunicação fica nas entrelinhas e no não-dito.
    Particularmente com as mulheres, esta deficiência provoca grandes fracassos no jogo amoroso, pois elas tendem a sublevar a comunicação literal através da insinuação de gestos, olhares, respirações e outras modulações que podem passar batido pelos aspergerianos.

    ResponderExcluir
  5. O raciocínio desafia a lógica.
    Em termos hipotéticos serão “ O complexo de Cassandra”?
    Ou serão axiomas?

    ResponderExcluir
  6. "Agora, ter Asperger não significa não conseguir ficar brabo, já que a principal característica desta doença é não conseguir ler a modulação emocional das pessoas. Um Asperger típico dificilmente entenderá se você está dizendo uma coisa e tentando expressar outra. Isto é muito comum nas relações humanas, quando o principal componente da comunicação fica nas entrelinhas e no não-dito."

    Será que é por isso que o Sheldon (Big Bang Theory) não entende sarcasmo?

    ResponderExcluir
  7. Bem apanhado os exemplos de Sheldom Cooper e Leonard Hofstadter do sitcom americano "A Teoria do Big Bang". Para o Nerd puro (com síndrome de Asperger), é mais fácil perceber um minúsculo erro que passou batido em 30 mil linhas de código, do que distinguir a ironia na cara de uma pessoa. Ainda mais porque ironia significa dizer uma coisa e expressar o contrário.

    Mário Ventura de Sá:
    Ao contrário do mito de Cassandra, quando a pessoa profere uma verdade e não é ouvida (todos os filmes apocalípticos são construídos sob o manto do mito de Cassandra), o Nerd acaba sendo ouvido e levado a sério, só que à custa de muitas pedradas, escárnio e linchamento público.

    Fatalmente as afirmações dos Nerds não são axiomáticas, pois normalmente sobrevém de fatos concretos "facilmente" observáveis (depois que eles descobrem é claro!). Ademais, os portadores da Síndrome apresentam dificuldades expressivas em manipular conceitos, conforme pode ser constatado neste trabalho O conceito de Morte e a Síndrome de Asperger, e com esta capacidade operatória da abstração diminuída, se torna bastante difícil para eles trabalhar ao nível axiomático.

    ResponderExcluir
  8. Pois EU queria ter essa síndrome! Einstein e Newton tinham...infelizmente meu QI é de gente normal ¬¬'

    ResponderExcluir
  9. Infelizmente, não necessariamente a S. Asperger garante um QI acima do normal, aí é sofrimento a troco de nada.

    ResponderExcluir
  10. eu acredito que na forma que ele se expressou pelo espirito dele que repercutiu isso pra ele... ele deveria ter falado com mais firmeza

    ResponderExcluir