Pesquisar

1 de nov de 2010

Programas utilitários essenciais para o seu computador.

Se você tivesse que ir para uma ilha deserta com um computador e alguns programas, quais escolheria? Na tentativa de encontrar a resposta, elaborei esta lista com os aplicativos que são do meu uso diário, outros corriqueiros e mais outros esporádicos, mas não menos importantes.

Sistema Operacional.
Qualquer um, desde que esteja atualizado para evitar brechas na segurança.
O meu é o velho e malfadado aborto da natureza chamado Windows Vista Home Premium, que veio junto com o computador e que vai morrer com ele. É claro, juro que se tivesse que começar agora do zero, partiria pro Linux Ubuntu.
Os piores produtos tecnológicos e o pior das tecnologias.

Desframentador de Disco.
Para quem tem Windows, é essencial possuir um desfragmentador de discos alternativo ao padrão embutido neste sistema, que é lento e não faz cacaca alguma. Imperiosamente, o desfragmentador deve ter a opção de desfragmentação via Boot.
Dos que testei até hoje, o PerfectDisk é realmente o melhor. Para ter os seus arquivos sempre desfragmentados, habilite o programa para executar a desfragmentação do HD de sistema durante o Boot.
A propósito, o desfragmentador gratuito Defraggler, fabricado pela Piriform (a mesma do CCleaner) é altamente I³ (ineficiente, inócuo e inútil).

Pacote de segurança.
É essencial investir num conjunto de programas de segurança que barrem vírus, spywares e invasões.
Como tenho um Dell, acabei optando pelo McAfee Total Protection que vem com antivírus, firewall e antispyware. Adicionalmente ele oferece segurança de navegação no FireFox, bloqueando sites maliciosos através do Plugin SiteAdvisor.
Você deveria tremer só de pensar em confiar cegamente num destes antivírus gratuitos, pois todos eles contem mais ou menos importantes limitações que podem comprometer o seu PC.
Em tempo, nem os usuários do Linux podem se declarar infensos às pragas cibernéticas.

Otimizador de Registro.
O registro do windows precisa ser limpado regularmente, pois acumula muito lixo e deixa o computador lento.
Uso dois programas para executar esta tarefa: o CCleaner e o Glary Utilities. Dizem que o NitroPC é muito bom, só que é pago.

Compactador/descompactador.
Sempre usei com plena satisfação das minhas necessidades o WinRar.

Backup.
O SyncBack na sua versão Free quebra todos os galhos e o melhor, não gera backups criptografados (como o Norton) que podem dar pau depois.
O pior pesadelo da informática: eu não fiz Backup.

Leitor de PDF.
Tenho usado o Adobe Reader 8. Por cargas d'água, quando saltei para a versão 9 percebi que ele tinha perdido a funcionalidade de poder arrastar as fotos para a área de trabalho. Então, voltei para a versão 8.

Browser.
As opções mais fortes existentes no mercado são FireFox, Chrome e Internet Explorer.
Apesar de reconhecer que o Chrome é o mais rápido de todos, acho a sua interface descarnada de mais e as suas extensões estão ainda muito incipientes. Portanto, prefiro usar massivamente o FireFox e eventualmente rodar os outros dois para tarefas específicas. Por exemplo: para assistir vídeos online em regime de Streaming no Megavídeo o FireFox e o Chrome são uma bosta, neste caso, a melhor opção e o Internet Explorer, talvez em razão do tamanho do buffer de vídeo do IE, sei lá.
De qualquer maneira, me obrigo a usar no mínimo estes três Browsers, já que para editar este Blog, o FireFox é macio como manteiga na faca.

Pacote de programas de escritório.
Quem não precisa editar frequentemente um texto, ou bolar uma apresentação?
A tradicional solução no mercado tem sido o Microsoft Office, mas depois que endureceram com a questão da pirataria e implantara a chave OGA, migrei para a suíte gratuita BrOffice e posso dizer que é possível viver sem o MSOffice.
Bizarramente, a minha esposa constatou que o BrOffice é mais compatível os arquivos antigos do Word do que o próprio Word da versão 2007. Ela tentou abrir uns arquivos gerados na versão 97 e só conseguiu sucesso com o BrOffice.
O OGA decreta a morte do Word?

Editor de imagens.
Iniciada a era da fotografia digital, os editores gráficos se tão interessantes quanto o ar que se respira.
Para as edições de arquivos em bitmap, uso para tarefas pesadas o Photoshop (que requerem maior qualidade) e o Paint.NET para as tarefas mais triviais.
Para gerar trabalhos gráficos vetoriais (pintar em cima de foto por exemplo), uso o Inkscape, que é fabricado pelos mesmos autores do Paint.NET.
Qual é o melhor editor gráfico simples e gratuito?

Player de áudio e vídeo.
Depois que descobri as potencialidades do VLC Media Player, abandonei todos os outros players porque ele toca todos os formatos existentes e, adicionalmente, permite a sincronização de legendas externas no caso de vídeos em língua estrangeira. Ahhh, e bani definitivamente do meu PC o famigerado Quick Time da Apple que pode embutir no sistema desgraças do tipo Bonjour-uma-tragédia-para-desinstalar.
Como desinstalar e remover definitivamente o Bonjour e o mDNSResponder.exe?

Gravador de CD e DVD.
Caso você pegue o CDBurnerXP para gravar CD e o DVDFab para fazer aquelas copiazinhas caseiras dos DVDs (ele tem desencriptador) que você não encontra facilmente para comprar, estará bem servido.

Editor de Vídeo.
O Vegas Movie Studio Platinum é uma ótima opção para quem quer mergulhar de cabeça no negócio do Vídeo Blog.

Conversor de vídeo.
Para “upar” vídeos da câmera para o YouTube, ou outro sistema de hospedagem que aceite MP4, a melhor solução é o Xilisoft.

Email.
Foi-se o tempo que as pessoas tinham um aplicativo de email local. Hoje a coisa fica na nuvem mesmo.
Assim, há anos tenho obtido bons resultados com o Gmail, que considero o melhor provedor, tanto que centralizei numa única conta do Gmail as minhas contas do Yahoo pela via do POP3.

Hospedagem de fotos.
Em virtude das suas funcionalidades, por exemplo, o aplicativo de uploads “Flickr Uploadr”, definitivamente a melhor opção da praça é o Flickr. Mas, preste atenção, pois a conta gratuita só permite a visualização das últimas 200 fotos postadas, pois isto acho melhor adquirir uma conta PRO.

Com estes apetrechos, penso que qualquer pessoa que chegasse na ilha, não morreria de tédio pelos próximos 20 anos, desde, é lógico, que conseguisse de alguma maneira obter energia para o seu PC e um WiFi, mesmo basiquinho que fosse.

10 comentários:

  1. Vc deveria, em se tratando de uma derivação de ciência exata(computador), mostrar os porquês. Diz que o desfragmentador do Windows não presta. Logo abaixo que o Defraggler também não.

    Se o Windows informa que os arquivos foram desfragmentados, como o usuário vai saber que o tal desfragmentador não serve???

    ResponderExcluir
  2. Deveria testar GIMP, faz 95% das coisas que Photoshop faz e é gratuito.

    ResponderExcluir
  3. Aí tenho que fazer um post específico sobre o assunto desfragmentação, o que funciona e o que não funciona. Fica na pauta.

    Juancho,
    certo, devo testar o GIMP para formar uma opinião a respeito.

    ResponderExcluir
  4. Defragmentação! Não me lembrava mais disso... Coisas de quem parou de usar Windows há um tempão :b

    ResponderExcluir
  5. Também eu sou bem vindo ao deserto real.
    Faz tempo que não o faço. Tenho utilizado o padrão. São horas. No tocante ao backup faço uma vez por semana mas, directamente para discos externos de alta velocidade " Lacie " (2) demora + - 8 minutos.
    O editor de imagem, já utilizei o ACDSee que é excelente mas como sou simples amador, optei pelo IrfanView que é gratuito e serve-me perfeitamente.
    Finalmente segurança. Para mim é indiscutivelmente o melhor " Symantec " . Nunca me deu qualquer problema.
    Em Portugal é o de custo mais elevado mas compensa. Não adquiro as actualizações cá. Directamente pela net é muito menos dispendioso. Obrigado pelas ajudas.

    ResponderExcluir
  6. “Aí tenho que fazer um post específico sobre o assunto desfragmentação, o que funciona e o que não funciona. Fica na pauta.”

    O pedido de várias famílias. Celeridade.
    Obrigado

    ResponderExcluir
  7. Cada um é cada um, conforme sua vivência e suas experiências. E baseando-se nas minhas, discordo que antivirus gratuitos no geral são desaconselhados por existir a opção de antivirus mais eficientes por serem pagos. Aliás, o avast em sua versão free, por exemplo, consegue superar muitos não gratuitos como o McAfee Total Protection, em termos de proteção e reparo como se pode conferir no comparativo da AV-TEST:
    http://www.av-test.org/certifications?order=usability_desc&lang=en

    Não indicaria o Adobe Reader nas suas últimas versões, por ser um leitor de PDF pesado e pelo fato de ocupar tanto espaço no disco por motivos desconhecidos (até então desnecessário). Há outras opções bem mais leves como o foxit reader e um desconhecido, porém excelente, em português, o PDFXCView.
    Quanto aos reprodutores de áudio e vídeo, além do recomendado pelo autor ( o VLC Media Player ), eu também indicaria o Kmplayer, completo e muito bom.
    Os citados otimizador Glary Utilities e o decodificador e gravador de DVD DVDFab, são muito bacanas, excelentes recomendações.
    Quanto ao desfragmentador PerfectDisk, fiquei curioso em conhecê-lo e testá-lo, já que estou atrás de um programa desses, irei baixá-lo e instalá-lo no meu pc, pois realmente esse do Ruindows não é eficiente e confiável.

    ResponderExcluir
  8. Ainda o melhor antivírus é representado pelos hábitos seguros o que atualmente não quer dizer muita coisa, em face das novas formas de infecção de sites idôneos via injeção de SQL.
    Boa dica esta do Adobe Reader, muito trambolhososas as últimas versões.

    ResponderExcluir
  9. onde eu faço um cursinho de informatica on line?

    ResponderExcluir