Pesquisar

9 de jun de 2010

10 grandes Micos (carros) brasileiros.

A lenda do Mico aterroriza os usuários de carros, principalmente os que dependem de automóveis usados. Por diversos motivos um veículo “mica”: beberrão, manutenção cara e difícil, fora de linha, quebrador, mosca branca(poucas unidades vendidas no mercado), seguro alto, importado, obrigatoriedade de manutenção preventiva,




1) Fiat Marea – o rei dos micos.
Fiat Marea
Sem dúvida, ele o maior Mico brasileiro, apontado por 14% dos garagistas entrevistados na pesquisa da ASSOVESP (*). Ele reúne todos os pré-requisitos de um bom Mico: manutenção cara, defeitos carimbados e reincidentes, como por exemplo, fundir o motor. Para “desmicar” o Marea basta dispender uma pequena fortuna nas seguintes precauções:
somente usar óleo SINTÉTICO FIAT SELENIA e trocar o filtro a cada 5 mil quilômetros;
trocar a correria dentada e rolamentos a cada 30 mil quilômetros;
proceder a limpeza do arrefecimento a cada 20.000Km e colocar o aditivo na proporção correta;
fazer a limpeza de bicos injetores e trocar as velas a cada 20.000 Km;
usar sempre gasolina aditivada;
medir a pressão da bomba de óleo mensalmente.

2) Volkswagen Polo 1.0 – o mosca branca.
Volkswagen Polo
Um carro que existiu por pouco tempo e teve pouca produção. Resultado: a receita do mico estava pronta.
[Notícias Automotivas]

3) Marca Ford e carros equipados com motor Endura – casar com o "Império" também tem seus contratempos.
Motor Endura
A pesquisa realizada pela ASSOVESP(*) apontou 7% de reclamações contra os "carros da marca Ford", talvez em função da política restritiva da montadora em compartilhar informações e peças com oficinas extra-rede autorizada. Quanto aos veículos da marca equipados com motor Endura, existem óbices quanto à reparabilidade e retífica prematura: os mecânicos reclamam da dificuldade de manutenção, da política da Ford e da necessidade de trocar a válvula na retificação.

4) Fiesta Trail 1.0 – muito fraco e muito caro por nada.
Ford Fiesta Trail 1.0
Se um carro mil, que custa quase 50 mil reais não for Mico, então não entendo mais nada de micos! O segredinho de que este carro Zero já estava micado na concessionária foi-me passado pela própria vendedora da Ford quando lhe perguntei qual era o maior mico em exposição na vitrine. A vendedora, meio sem jeito, apontou para um vistoso Fiesta Trail preto. Ela confidenciou que para desencalhar um veículo daquele, caro e fraco, seria preciso muita reza braba.
» Fiesta Trail: um carro 1.0 por 40.000 reais!!

5) Gol 1.0 com motor 16V e todos os mil multiválvulas – um Gol exigindo manutenção preventiva?
Gol 1.0 16v
A fama de ser um motor de manutenção cara, fraco, que apresenta problemas e necessita de manutenção preventiva queimou o filme dos motores multiválvulas embarcados em veículos pequenos. O exemplar da foto, provavelmente está comemorando aniversário de encalhe, com bandeirinha e tudo.
» Mitos e verdades sobre os motores de 16 válvulas.

6) Ford Ecosport 1.0 “Supercharger” - o gigante propulsionado a motor de brinquedo.
Ford Ecosport 1.0 "Supercharger"
Uma “banheirona” equipada com um motor de um litro supostamente vitaminado? Certamente é um dos ingredientes básicos da genealogia do Mico.

7) Fiat Tipo “Fire” - começa a era dos argentinos “muy amigos”.
Fiat Tipo "Fire"
Este carro inaugurou a era do argentino problemático e os boatos de que o Tipo pegava fogo à toa se espalharam... e ele virou mico. Por que será que ninguém conseguiu solucionar o crônico problema do cheiro de gasolina no interior deste carro?
» Tipo, o precurssor do motor “Fire”.

8) Fiat Tempra – continua firme a dinastia argentina.
Fiat Tempra 16V
O sucessor do Tipo continuou com a fama de argentino problemático (quando a Fiat começou a importar carros e motores daquele país), além de ter recebido os rótulos de beberrão, caro de manutenção e mecânica complicada. Para os caçadores de Micos, o conselho dos “tempristas” de plantão é fugir dos modelos 16 válvulas.

9) Mercedes Classe A – cheio de módulos eletrônicos, mas rodou no teste do alce.
Mercedes Bens Classe A
Carro que ficou famoso no mercado brasileiro por ser “cheio de partes”. Isto é, o excesso de tecnologia embarcada tornou altíssimo o custo de manutenção deste veículo, que nasceu pré-determinado a se tornar o “popular da Mercedes”. Quem embarcou nessa, casou com um animalzinho em extinção.
» Cuidados antes de comprar o “Mico”.
Teste do Alce do Classe A: depois a Mercedes teve que correr atrás da máquina para corrigir o problema, mas era tarde e o estrago já estava feito (o teste te ajudará a entender a ironia da foto acima).


10) Carros franceses – são vistos como alienígenas.
Frances alienígena
14% das revendedoras de carros pesquisadas pela ASSOVESP(*) reponderam que um dos grandes Micos do mercado são os “carros franceses”. Por que tais veículos continuam sendo vistos como alienígenas pelos usuários brasileiros?

Leia mais:
(*) Pesquisa aponta carros de difícil revenda.
» A “fórmula” do Mico certo.

60 comentários:

  1. Sem qualquer dúvida que a Fiat + - desde os finais da década de 60 com a ânsia de alcançar quotas de mercado se desvalorizou. No mercado europeu está em decadência.
    Vi o Fiat 600D, o 127 que foram veículos extraordinários. Hoje pertencem ao museu.
    Também a Ford, apostou no cavalo errado. O Ford Anglia e o Fascinante. O 1º. só com três velocidades foram fantásticos. Salvo melhor opinião os carros fanceses são para esquecer. Actualmente os alemães e os nipónicos são os mais comercializados,são seguramente o que existe de melhor. O último só não é tão competitivo (preço) devido aos " Direitos Alfandegários ".

    ResponderExcluir
  2. Kkkkkk
    Realmente os franceses tem modelos muito estranho para o meu gosto.

    ResponderExcluir
  3. Concordo com tudo que foi apresentado.
    Só não esqueça de agregar:

    - CROSSFOX ao mesmo mico apresentado no ítem 4. Caríssimo e não tem nada além de perfumaria comparado aos seus irmãos mais simplificados

    - GOL, PARATI, SAVEIRO e GOLF pelo altíssimo custo do seguro comparado aos seus concorrentes.

    - Motores FIAT de alta cilindrada em geral (lembra do Tempra cheio de bugs tb?) nos quais a engenharia da FIAT-BRASIL insiste em fazer cagada em ótimos projetos.

    - CHEVROLET que continua vendendo motores pré-históricos e carros maquiados (Vectra ou Astra???). Se vc entrar numa concessionária CHEV hj, quase terá um Deja vú... Não mudou qs nada nos últimos 8 anos...

    - FORD que continua burra de pai e mãe:
    1)Caiu absurdamente na qualidade de acabamento dos seus carros, área na qual era referência.
    2) Vende um dos melhores carros do mercado (FOCUS), não sabe fazer propaganda disso, não muda de empresa de marketing e continua se ferrando por causa do que já foi dito: "política restritiva da montadora em compartilhar informações e peças com oficinas extra-rede autorizada".


    - Além claro de todos os nossos "esportivos", cheio de maquiagem pra aumentar o custo em $10.000, e de esportivos não têm nada

    ResponderExcluir
  4. Poxa Luiz (do comentário acima) sobrou o que pra gente comprar?

    ResponderExcluir
  5. Uma coisa eu digo, a marca que evolui cada vez mais em termos de segurança e tecnologia na minha opinião é a CITROËN, basta ver que num simples C3 1.6 já vem de série 4 tipos de freio, é mole?!
    CD.´.

    ResponderExcluir
  6. Querem um carro de verdade? Daqueles do tempo em que carro era carro e homem era homem, compra um Omega usado. Por 20mil, você poderá desfrutar de um dos melhores carro já produzido no Brasil. E não essas botas ortopédicas que se fabricam hoje me dia.

    ResponderExcluir
  7. concordo com o sandro.... omega é omega... e acabou.. o resto é pipoca murcha...

    ResponderExcluir
  8. Compra um hondaaaaa !!!

    ResponderExcluir
  9. Omega foi um carrão, gostava muito do Monza tb, nostalgia....

    ResponderExcluir
  10. do sexto carro ja vai pro oitavo e depois o sétimo!?

    ResponderExcluir
  11. Só pra defender o Tempra... meu pai teve um por 5 anos.. o motor ferveu por 6 vezes e mesmo assim só foi pra oficina 2 anos depois... fazia 12km/l na rodovia e eu fiz TODO o motor (até o virabrequim) por R$ 1700,00...
    sem contar q eu peguei 210 km/h com ele assoviando...
    sem contar o acabamento, bancos de couro, retrovisores eletricos e tudo mais...

    se isso não é alta qualidade pra vocês, então não entendem nada de carro..

    gol é uma bosta, vive na oficina, o painel desmancha se pegar sol.. chevrolet é caro não sei porque..

    Pra mim a Fiat comanda...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meu amigo eu tive um Gol bola 1.8 durante 5 anos e ele só ficou na oficina para revisões de fim de ano e duas vezes que a bomba de combustível queimou... Rodei com ele nas mais severas condições e nunca nada dele desmanchou...

      Estou com um 11/11 1.0 City que até agora não há nada o que reclamar dele...

      Agora quanto ao "seu" Tempra, já vi cada bomba por ai, de vizinhos e parantes... Para não ficar chato, minha amiga tem um Tempra daqueles tipo "perua", acho que SX alguma coisa, que é filé, ótimo carro. Nem parece Tempra...

      Excluir
    2. Meu caro , tenho um tempra 16v a 10 anos ,e nunca tive dor de cabeça , oque acontece é donos relaxados , como pessoas q nao querem pagar um oleo de qualidade assim o carro da problema mesmo , como meu gol g4 que foi p oficina 6 , e isso pq eu cuido bem dele tb!

      abs!

      Excluir
    3. concordo TEMPRA é o carro. brasileiro quer andar de carroça.se não tiver dois cavalos um já dá.
      qualquer capim come
      não da manutenção.
      água ´so quando terminar de carregar as tranqueiras.
      brasileiro não cuida do carro.
      os tempras qua vimos por aí são carros de pessoas que não fazem manutensão preventiva.
      ou não tem condições(tem que andar de mula)
      ou são pão duro(querem furar o olho de alguem)
      querem carro que não gasta.gol,uno,etc.. vc anda até soltar a roda,depois concerta.
      tempra é carro de luxo sempre foi.
      o mais barato da categoria.
      a manutenção mais barata.
      no brasil toda conversa fiada tem credito.
      por isto que os politicos são como são.
      os mecanicos lero lero, não solberam lidar com a revolução das máquinas e difamaram o carro.
      pesquize e vc vai ver oque é TEMPRA.

      Excluir
    4. No Brasil os verdadeiros carrões do seu tempo náo vingaram porque os donos os tratavam como carroças. Ta aí o gol, que sobrevive por ser uma carroça. A Fiat sempre inovou nos seus modelos e trouxe ótimo (e lindos) carros, mas a péssima mão de obra dos nossos mexanicos, aliados ao donos de carroças, fez por colocar nessa lista fajuta aí em cima excelentes carros como o Tipo, Tempra e Marea. Fui dono de um tempra 2.0 16v e sou dono atualmente de um Tipo 1.6 MPI e de um Marea 2.0 20v. Cuido como todos deveriam cuidar e o resultado é que, em 10 anos, nunca precisei fazer nenhuma manutenção corretiva. O tempra vendi com 220.00Km, o Tipo está com 160.000Km e o Marea (meu xodó), tá com 210.000 originais! Isso é mico?

      Excluir
  12. teve um cara ai nos comentarios q deve ter MOTO... hahahahah ele conseguiu acabar com todas as marcas de carro "brasileiras" sobrou nada pra comprar aki!!! o jeito é juntar dinheiro e ir morar na europa entao.. hahahhaah

    ResponderExcluir
  13. ridículo os comentarios sobre o marea. o único problema foi a indicação errada de substituição do óleo de 20000 em 20000km prevista no manual, sem pensar que o combustível do brasil é podre e criaria borra. trocando o oleo de 5 em 5 resolve qualquer problema, e pode ser ate mineral se atender a especificação 15w40 ou 15w50.
    o resto nao precisa fazer. correias 60 em 60, e sem esse papo de medir pressao de oleo mensalmente. ridículo.

    ResponderExcluir
  14. Pelo jeito quem publicou o post anda de fusca ou bicicleta. Cada um tem o que merece. Nessa terra de "bugres" que acham que carro é só abastecer e trocar óleo lá de vez em quando muito carro é mico mesmo. Preferem andar de Kadetts e monzas modernos (astra e vectra) q só é a casca bonitinha, mas é rustico igual lada e bebe igual um opala 6 bocas. Tenho um gol 16v não acho fraco e nao tenho nenhum problema com ele. Meus pais tiverem tempra, não tiveram problema pra manter nem pra vender. Tem uma Classe A e frequentemente recebem proposta de pessoas que querem comprar o carro (q é 1.6, anda muito e bebe igual 1.0). Se isso é micro, bom, prefiro continuar usando meus micos.

    ResponderExcluir
  15. so mais o meu http://lh4.ggpht.com/_8s1hbu0aBS0/TB5ZAlZ7IwI/AAAAAAAAE40/57QABQOWnnw/s400/nikon%20%2001%20009.jpg nao vendo e nao troco por nenhum desses escrt z-tec 1.8 16v 125cv no dino,98 glx completaço

    ResponderExcluir
  16. Compra um Fusion usado...
    É bem melhor que um Ômega e só um bocado mais caro...

    ResponderExcluir
  17. Eu prefiro um opala 151-s 6 cilindros , aqueles ss que sairam em 92 sabe....

    ResponderExcluir
  18. amigos tenho um tempra agora pra mim eo melhores carros que tive andei samana passad com um gol g5 o que era aquilo barulhento desconfortavel detalhe com pouco mais de 20 mil quilometro e bem cuidado,o que dizer e o seguinte naõ tem carro ruim e sim donos de carros que compram esses modelos acimas citado na maioria tudo financiado,ai precisa fazer manutençaõ naõ aguenta compra um simpres litro de oleo a vinte reais e vaõ ao mercado compram um oleo sae40 de fusca coloca no carro mais novo funde tudo ai o carro naõ presta po gente ai o carro naõ presta

    ResponderExcluir
  19. Nossa que gente burra!


    "5) Gol 1.0 com motor 16V e todos os mil multiválvulas – um Gol exigindo manutenção preventiva?"

    Taí a prova de que brasileiro não faz manutenção preventiva, bando de burros! Nos envergonham no exterior!

    "7) Fiat Tipo “Fire” - começa a era dos argentinos “muy amigos”."

    O Tipo nunca teve motor argentino......e sim uma versão igual, mas vinda da itália com 107cv, muito robusto por sinal.


    Quanto ao Marea:

    "somente usar óleo SINTÉTICO FIAT SELENIA e trocar o filtro a cada 5 mil quilômetros


    Meu Deus!!!!!! Não vou nem responder!

    Trocar a correria dentada e rolamentos a cada 30 mil quilômetros;

    Pelo que eu saiba, o ideal é 60mil Km, mas aos 30ml km também vale.
    .

    proceder a limpeza do arrefecimento a cada 20.000Km e colocar o aditivo na proporção correta;


    Isso é de praxe em qualquer carro, ou o correto é errar na proporção?


    fazer a limpeza de bicos injetores e trocar as velas a cada 20.000 Km;


    Putz! Na minha Marea eu só troquei as velas quando vendí. Elas ainda eram originais. Ainda assim foram 3 vezes para MG +2000km por viagem.


    usar sempre gasolina aditivada;


    Isso é de praxe 2!!!!!!!


    medir a pressão da bomba de óleo mensalmente."


    Meu Deus, essa foi de matar!!!!!!


    Conclusão, a MAIORIA dos brasileiros não cuida do carro direito.


    Abs,


    Ícaro

    ResponderExcluir
  20. Sogetrans,
    as montadoras deveriam estar carecas de saber que brasileiro odeia manutenção preventiva, oficina e todas estas coisas. No momento em que lançam carro muito fru-fru, devem se preparar para as consequências. Eu simplesmente odeio automóveis cheios de frescurinhas feitas sob medida para estragar.

    ResponderExcluir
  21. Fiat Tempra foi e sempre será um grande carro, claro que os primeiros tempras ano 94 e 95 deram muitos problemas de aquecimento, mais apartir de 1996 a fiat corrigiu os problemas do tempra e o carro ficou perfeito, vcs que não entendem de Tempra não podem falar se não tiveram, ja vi motor de tempra durar 400mil quilometros e ainda falam que não presta! oh loco! bando de desinformados no dia que pegarem um tempra 96 pra cima vão apaixonar, mil vezes mais barato e mil vezes mais conforto e satisfação ao dirigir, do que carro 1.0 pelado de 25mil reais, só otário mesmo pra pagar carro 0km por 25mil!! bando de burro! quero ver carro 1.0 dar 200km/h que parece que ta a 100km/h de tanta estabilidade! Agora se querem carnissa comprem bando de trouxa!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Para começar nota-se seu imenso bom senso, educação e responsabilidade ao dizer "quero ver carro 1.0 dar 200km/h que parece que ta a 100km/h de tanta estabilidade!"... Ou seja, vc já deve ter arriscado a vida de muita gente dando esses 200 km/h por ai não é?

      Bixo, de gente como vc esse cansado planeta está farto... Morra SOZINHO com a sua ousadia e do seu "super" carro.

      Excluir
  22. Concordo com alguns, mas cometeu algumas injustiças.. e esqueceu do Chevette junior 1.0 1993, que não tinha força p/ subir ladeira (isso que aquele tempo nem se falava em GNV)..
    ehehehehe

    ResponderExcluir
  23. Pobre tem que andar de onibus se achar caro fazer manutenção...

    ResponderExcluir
  24. Quem fala mal de Marea e Tempra ou é APzeiro Favelado ou é muito mal informado. Tenho um tempra 96 16V e é perfeito. Mas é claro meus senhores, como o Brasileiro gosta de "gambiarras" e de "geitinhos" ( óleo trocado a cada 15.000 km, arame para segurar isso e aquilo, meXAnicos altamente profissioais )não deram manutenção no carro conforme o fabricante recomenda, resultado: Um monte de Tempra e de Marea quebrando. Caros defensores movidos pela paixão, deixem o pessoal anti-FIAT falando sozinhos, um dia se darão conta que os VW mancos e mal acabados foram e continuam sendo uma bosta bem grande.

    ResponderExcluir
  25. Ao ilustríssimo entendido de "micos" automotivos brasileiros, sugiro que ele peça a VW Brasil, voltar a produzir fuscas e brasilias, pois se nada o apetece ele que fique com os "silienciosos" motores refrigerados a ar!
    Quanto aos modelos marea e tempra, digo que como carros inovadores que foram, cairam na falta de experiência de mecânicos, que ao contrário de procurar informação, preferiram criticar o carro e cobrar os "tubos" para aterrorizar seus proprietários. Devemos lembrar que quando a Fiat chegou ao Brasil com 147, motor transversal, econômico, houve uma revolução no conceito de automóvel aqui no Brasil. Hoje, quantos carros tem o motor na frente e tração a trás? Quantos não possuem o motor transversal?
    O povo deve deixar de ser preconceituoso com as novidades!
    Possui 5 tempras e 01 marea. É só fazer o básico que não há com que se preocupar. São excelentes automóveis e não puramente "carros"

    ResponderExcluir
  26. anda de golf 1997 gl e já era será um cara feliz com comforto e motor

    ResponderExcluir
  27. "Para “desmicar” o Marea basta dispender uma pequena fortuna nas seguintes precauções:
    somente usar óleo SINTÉTICO FIAT SELENIA e trocar o filtro a cada 5 mil quilômetros;
    trocar a correria dentada e rolamentos a cada 30 mil quilômetros;
    proceder a limpeza do arrefecimento a cada 20.000Km e colocar o aditivo na proporção correta;
    fazer a limpeza de bicos injetores e trocar as velas a cada 20.000 Km;
    usar sempre gasolina aditivada;
    medir a pressão da bomba de óleo mensalmente."
    Dar manutenção preventiva é o mínimo que se espera de um dono 'não porco' pra ter um carro atual, que carro hoje não exige determinado tipo específico de óleo? Os tempos são outros, o Fusca já se foi! Eu eu simplesmente ejaculo vendo APzeiro levando toco de Fivetech!

    ResponderExcluir
  28. Graças a Deus tenho meu MICO Marea e ñ troco por nenhuma BOSTA com AP, só vi falarem merda aqui, meu marea ta com 120000 km e motor original e perfeito, sabe proq ue?
    por qeu eu sou um dono de carro dou manutenção como tem ser, ñ sou MANO ai qurerm o que que eu troque meu marea com toda tecnologia em um Omega com motor de 1960 de Opala?
    Golf com motor de 1970 do passat?
    Vectra motor Monzatech?
    a faça me um favor, eu rio dessas merdas de carro.

    ResponderExcluir
  29. Você precisa ler mais sobre carros.
    Tipo argentino é piada. Até o modelo 96/97 era 100% Made in Italy"
    Quanto a manutenção do Marea, não diga o que não sabe.

    ResponderExcluir
  30. O PROBLEMA MEUS AMIGUINHOS É QUE O NOSSO PAÍS SEMPRE FOI E AINDA É UMA COLÔNIA DE EXPLORAÇÃO DAS POTÊNCIAS EXTRANGEIRAS E SOMOS OBRIGADOS A COMPRAR ESSAS BOSTAS FEITAS AQUI POR ESSAS MESMAS POTÊNCIAS EXTRANGEIRAS QUE NÃO SÃO MALUCOS PARA FABRICAR ISSSO NOS PAÍSES DELES PORQUE LÁ O POVO NÃO É IDIOTA E NEM SÃO GOSVERNADOS POR GOVERNOS PROSTITUTA QUE INCENTIVAM A INDÚSTRIA DO EXTRANGEIRO QUANDO PODIAM EMPREGAR MILHARES DE PESSOAS DAQUI DANDO UMA OPORTUNIDADE MAIS DIGNA A ENGENHEIROS E CIENTISTAS, TALENTOS LOCAIS PARA DESENVOLVER NOSSOS VEÍCULOS AQUI, COMO FAZEM OS JAPONESES QUE DEPOIS DA GUERRA FORAM A REVANCHE E DESMANTELARAM A INDÚSTRIA AUTOMOTIVA A AMERICANA, MAS NÃO SOMOS IDOLATRADORES DOS AMERICANOS E POTÊNCIAS EXTRANGEIRAS COMO SE TUDO QUE ELES FAZEM É OBRA DE DEUSES E MERECEM SER ADORADOS, POVO IDIOTA É ASSIM, PAGA PRA TOMAR VENENO E APANHAR NA BUNDA E AINDA AGRADECE!!!
    NO DIA EM QUE ACORDARMOS, SERMOS A MAIOR POTÊNCIA DO MUNDO EM TODOS OS FATORES!!!

    ResponderExcluir
  31. O PROBLEMA MEUS AMIGUINHOS É QUE O NOSSO PAÍS SEMPRE FOI E AINDA É UMA COLÔNIA DE EXPLORAÇÃO DAS POTÊNCIAS EXTRANGEIRAS E SOMOS OBRIGADOS A COMPRAR ESSAS BOSTAS FEITAS AQUI POR ESSAS MESMAS POTÊNCIAS EXTRANGEIRAS QUE NÃO SÃO MALUCOS PARA FABRICAR ISSSO NOS PAÍSES DELES PORQUE LÁ O POVO NÃO É IDIOTA E NEM SÃO GOSVERNADOS POR GOVERNOS PROSTITUTA QUE INCENTIVAM A INDÚSTRIA DO EXTRANGEIRO QUANDO PODIAM EMPREGAR MILHARES DE PESSOAS DAQUI DANDO UMA OPORTUNIDADE MAIS DIGNA A ENGENHEIROS E CIENTISTAS, TALENTOS LOCAIS PARA DESENVOLVER NOSSOS VEÍCULOS AQUI, COMO FAZEM OS JAPONESES QUE DEPOIS DA GUERRA FORAM A REVANCHE E DESMANTELARAM A INDÚSTRIA AUTOMOTIVA A AMERICANA, MAS NÃO, SOMOS IDOLATRADORES DOS AMERICANOS E POTÊNCIAS EXTRANGEIRAS COMO SE TUDO QUE ELES FAZEM É OBRA DE DEUSES E MERECEM SER ADORADOS, POVO IDIOTA É ASSIM, PAGA PRA TOMAR VENENO E APANHAR NA BUNDA E AINDA AGRADECE!!!
    NO DIA EM QUE ACORDARMOS, SEREMOS A MAIOR POTÊNCIA DO MUNDO EM TODOS OS SENTIDOS!!!

    ResponderExcluir
  32. Nossa vcs deveriam morar em museus, pois só gostam de carros velhos. Qualquer carro velho vai dar manutenção, só que ai, os que não encontrarem peças se tornarão Micos!
    Vamos falar de MIcos atuais tipo o Tiida sedan que é um ótimo carro que vende pouco e ainda será lançada uma nova versão em 2012, fazendo-o desvalorizar muito. Um primo meu comprou um Chery Cielo (muito bonito) porém está com ruídos insuportáveis na suspensão, a concessionaria aqui de SP solicitou uma peça fazem 3 meses e nada de chegar. Esses sim são Micos e vamos deixar esses carros velhos somente no passado!

    ResponderExcluir
  33. É uma boa falar dos micos que estão bombando atualmente e os chineses podem dominar este mercado.

    ResponderExcluir
  34. POR ISTO QUE ESTOU FELIZ COM MEU SANTANAO

    ESSE SIM E O CARRO, NAO ME DA DOR DE CABEÇA. SO ELOGIOS

    ResponderExcluir
  35. NOSSA VC DISSE SANTANA?
    COM TODA AUTORIDADE POSSO TB DIZER QUE ESTE SIM E O CARRO, MARAVILHOSO,E COM AQUELE MOTORZAO AP 2.0
    ANDA MUITO VIU.......

    ResponderExcluir
  36. AE GALERA, REALMENTE É RIDÍCULO O QUE FALAM DO TEMPRA E MAREA. JÁ TIVE 5 TEMPRAS, DOIS 8V E TRÊS 16V (DEPOIS QUE CONHECI O 16V, NUNCA MAIS ENTREI EM UM 8V)!! HOJE TENHO LINEA, QUE TAMBÉM É MARAVILHOSO, LEMBRA MUITO O TEMPRA NA HORA DE DIRIGIR. NUNCA GASTEI NADA ALÉM DE ÓLEO, FILTROS E CORREIAS NO TEMPRA! ALÉM DISSO OS MEUS 16V, FAZIAM 10KM NA CIDADE E 12KM/L NA PISTA, SEM FALA QUE O 16V DA PAU EM QUALQUER OUTRO CARRO NACIONAL, JÁ DEI 245km/h DE FINAL!! ESTABILIDADE E CONFORTO SÃO INSDISCUTÍVEIS (BANCO ELÉTRICO, AR DIGITAL...)
    SOU APAIXONADO PELO CARRO, E SEI QUE SÓ FALA MAL QUEM NÃO CONHECE.
    ABRAÇO PARA TODOS

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mais um irresponsável se vangloriando das velocidades máximas alcançadas... Mais um assassino em potencial solto pelas ruas...

      Excluir
  37. /\Kkk ja deu 245km/h com um linea manco sim ta bom ,conta outra kkk
    Astra é astra, é véio de cara, mas ainda deixa 90% da frota brasileira "pra tras" e tem um dos melhores custo-beneficio do mercado ...

    ResponderExcluir
  38. moro na españa em acoruña,a qualidade dos carros aqui e em toda europa é impressionante,comprei um citroen 1995 por 200euros, em torno de 400reais que nao bate nada, os seguros sao mais caro que os carros velhos, aqui carros de 2000 para tras nao tem valor,nao entendo porq o mercado brasileiro valorisa tanto carros velhos,o cliente brasileiro acorda te.

    ResponderExcluir
  39. No Brasil os veículos novos custam muito devido à carga extrema de impostos, fator que não acontece na Europa, por isso o usados se supervalorizam.

    ResponderExcluir
  40. tenho um tempra 92 que para mim é só alegria nunca me deixo na mão,td carro é só vc ser bom com ele que ele será bom com você!

    ResponderExcluir
  41. O Tempra, sempre será um excelente veículo. Pena que o brasileiro e principalmente os mecânicos são muito burros e despreparados.

    ResponderExcluir
  42. O Tempra, sempre será um excelente veículo. Pena que o brasileiro e principalmente os mecânicos são muito burros e despreparados.

    ResponderExcluir
  43. A única versão do Tipo que teve problema com fogo foi o 1.6 8v importado que foi trazido até 1995. A versão 2.0 8v a 2.0 16v (Sedicivalvole) e a 1.6 8v a partir de 96 (modelo nacional) não teve nenhum problema relacionado a incêndios. E diga-se de passagem o motor 16v do Tipo rendia 137 cv originais e é tido até hoje como um respeitável esportivo.

    ResponderExcluir
  44. eu tenho um golf alemao 95 tem 300000km nunca abri motor e caixa, troco oleo e filtro religiosamente aos 5000km e manutenção preventiva isso e obrigação nego não sabe nem onde a vareta de oleo se localiza e so gasta com som para ouvir merdas tipo funk. Se avioes fizessem o mesmo que eles cairiam que nem chuva, ate as bicicletas destes que nao cuidam de nada estão sempre quebradas é mentira?

    ResponderExcluir
  45. Não concordo...quando alguém fala mal de carro francês...Ja tive Renaut Clio rodei 350.000 troquei em um renaut Sandero e tenho em casa um, também, um Renaut Twingo completo que não troco por nada...super econômico e completo...Ar condicionado,vidro eletrico, trava eletrica, retrovisor eletrico, farol c/ regulem, enfim itens que não se encontra em muito carrão nacional Zero...e tudo de fábrica num carrinho 1998 que ta ótimo de mecanica e lataria com 156.000 km rodado...

    ResponderExcluir
  46. Tempra,Marea, Santana,,,etc...não existe mico..
    Mico mesmo é comprar um carro, dando o seu usado em troca, deixando uma porção generosa do seu orçamento se perder em tão pouco tempo e não ter atendimento descente, compatível com o mínimo necessário para quem gastou muito dinheiro, muito mais do que muitos gastam na própria moradia ou em viagens com a família. Mico é deixar o carro para ser consertado e ouvir piadas ou ser passado para trás. Mico é comprar um usado como seminovo, tendo sido reformado descaradamente, tendo seu hodômetro total adulterado, tendo equipamentos de segurança defeituosos sorrateiramente burlados. Mico é morar num país onde tanta gente quer passar o semelhante para trás, gente que encosta a cabeça no travesseiro e dorme tranquilo à noite. É isso que é mico.

    ResponderExcluir
  47. sobre o marea comentarios absurdos, concordo em uma tese que fala vc goza o pau que tem, se vc não tem condições de ter um carro que não aguenta manter pra que comprar. Algunas idiotas acham que carro devem ir ao mecanico só quando estraga e não é assim se quem tem carro e sempre esta dando as manutençoes preventivas não tera dor de cabeça agora os idiotas que o carro aprensenta um barulho e o carro ta andando, apresenta outro mas beleza, o carro tá andando ai quando para toma no c.... porque não levou o carro antes que ele apresentasse o barulho ou levou o carro quando apareceu o barulho depois falam mal do carro.

    ResponderExcluir
  48. O melhor carro é o que a gente tem! como vi aqui cada um defende o carro que tem,somente quem tem um é que sabe o que passa e pode dar opiniões,tem gente que fala de tal carro sem ao menos tem andado em um,pegando pilha dos outros,resumindo concordo com a amigo que disse que brasileiro não cuida da manutenção do carro e que fazer milagres com o mesmo,a maioria são cupins que destroen tudo por onde passa.

    ResponderExcluir
  49. Falar do Tempra é um orgulho,só mete o pau no carro quem tem vontade de ter um,mais não tem capacidade de mante-lo,ai meu amigo é fácil falar.meu primeiro foi um Tempra 92 hoje tenho New civic 2009 e até hoje dou minhas voltinhas no meu ex Tempra que hoje é de propriedade do meu sobrinho.Tempra mais que um carro,uma paixão!

    ResponderExcluir
  50. comentários muito bestas, concerteza é um baita invejoso que escreveu essas merdas!

    ResponderExcluir
  51. Concordo com tudo que foi dito no post,não troco meu Logus por uma dessas tranqueiras com excessão do Polo

    ResponderExcluir
  52. prefiro andar num mico desses do que num 1.0 pelado, brasileiro merece andar de fusca
    bom continuem assim ........, ainda bem que para vcs são micos, assim eu posso comprar um carro bom a preço dos verdadeiros micos ...

    ResponderExcluir
  53. tive um tempra e é um otimo carro.

    ResponderExcluir
  54. Cacete. Total falta de conhecimento do autor do Blog... kkkkkkkkkkk
    Amigão, a Classe A passou a ter a eletrônica embarcada, endurecimento da suspensão e inserção de ASR e ESP justamente após capotar no teste do alce feito na ocasião do lançamento por uma revista sueca. Se quer falar sobre carro, ao menos procure se informar!

    ResponderExcluir