Pesquisar

29 de jun de 2010

Diferenças não obviamente genitais entre homens e mulheres.

Para não ficarmos presos à obviedade explícita na diferenciação puramente genital, instiguemos o nosso espírito com a possibilidade da existência de dois gêneros de mentes, uma puramente “feminina" e outra marcadamente “masculina", em perpétuo antagonismo nas conturbadas relações afetivas.


Saúde.
Mulher: prevenir é o melhor remédio.
Homem: tomar remédio só com o pé na cova.

Automóvel.
Mulher: meio de transporte.
Homem: sentido da vida.

Relacionamento amoroso.
Mulher: sentido da vida.
Homem: meio de transporte.

Casamento.
Mulher: até que a morte os separe.
Homem: eterno enquanto dura.

Amante.
Mulher: pormenor a ser escondido.
Homem: ponto a se gabar com os amigos.

Amigos(as).
Mulher: dá peita.
Homem: do peito.

Separação.
Mulher: tem ricardão na área.
Homem: está confuso.

Filhos.
Mulher: os casamentos se vão, os filhos ficam.
Homem: os anéis se vão, os dedos ficam.

Sexo.
Mulher: toma lá, dá cá.
Homem: artigo de primeira necessidade.

Carinho.
Mulher: artigo de primeira necessidade.
Homem: toma lá, dá cá.

Donde se conclui que ser homem ou mulher, depende muito mais de se pensar como tal, do que apresentar as protuberâncias e arrendondamentos proporcionalmente distribuídos nos locais adequados.

Leia também:
» Diferenciações sociais desiguais entre Homens e Mulheres.

Um comentário:

  1. Adorei o pior é que é assim que funciona mesmo, as mulheres são mais delicadas, pensam com o sentimento já os homens são mais práticos.

    ResponderExcluir