Pesquisar

29 de jul de 2010

Como fazer um Blog Famoso?

Saiba porque a maioria dos Blogs derrete incontrolavelmente.
A pergunta que sempre está bombando na Internet, na realidade está mal formulada, pois deveria ser: como posso tornar o meu ato de blogar Famoso? Isto porque as coisas não nascem famosas, mas podem vir a sê-lo ao longo do tempo.

Tal pergunta, você joga no Google e obtém milhares de dicas, assim como consegue "n" truques para ganhar na loteria, ou ganhar dinheiro em casa. Só que o problema todo pode ser resumido num só: não existe uma fórmula de sucesso ideal, reproduzível identicamente à original.

Caso você acompanhe as últimas tendências, sabe que o que está bombando no momento são os Vlogs com os seus expoentes máximos: PC Siqueira, Felipe Neto e, mais recentemente, Gabriela Fadel. Contudo, excetuando-se a meia dúzia de gastos pingados da crista da onda com milhões de visitas, também vejo pobres Vlogs no Youtube com comenos de 50 acessos.

Na blogosfera é a mesma coisa, quando você abrir o seu bloguezinho ele nascera  com 99% de chances de morrer virgem, sem leitores, sem comentários e sem seguidores. Tá bom... de repente o sem se transforma em cem e não passa disto, o que continua tudo como era dantes na maldição da invisibilidade.

Não obstante as milhões de dicas para fazer um Blog de sucesso continuarem sendo dadas por milhares de metablogs, qualquer blogueiro que encontrasse a fórmula mágica guardaria para ele mesmo e ponto final, como por exemplo, o Google que encontrou a fórmula do robô de busca perfeito, guarda o seu segredo de 100 bilhões de dólares até hoje.

No universo dos Blogs, dificilmente haverá algo para ser inventado, pois tudo já foi feito nesta terra de Deus. Ou você cairá num metablog, pessoal, tecnologia, tirinhas, fotos engraçadas, fã-clube, celebridades, notícias, cinema, etc., ou tudo isto unido num caldo de variedades e curiosidades.

Está, você escolheu um tipo, ou optou por todos eles, mas continua tendo um Blog igualzinho a milhares de outros. Como se Diferenciar? Primeiro você já deve ter feito toda lição de casa que os metablogs aconselham e um pouco mais, o pulo do gato.

Paradoxalmente, dentro da mesmice blogosférica o que faz sucesso é a novidade e a qualidade. Paralelamente ao fato de você notar, por exemplo, que o Blog Tolices do Orkut é um mega-sucesso que chega a ter mais de 800 usuários online, deve notar igualmente o sucesso dos demais copiadores das Tolices do Orkut, que não chegam nem às unhas do pé do original. O que diferencia este dos outros? Certamente eles conseguem atender a expectativa daquilo que os 23 milhões de orkutianos ansiam saber sobre os membros vacilões.

Isto quer dizer que cada um deve encontrar o seu filão no meio do garimpo e ao conseguir, abrir um canal único de comunicação com seus leitores, pois o sucesso é irreproduzível. Conforme já falei no início, como as suas chances de escapar dos 99% de fracasso são francamente mínimas, o negócio é pensar muito no tipo de formato que você quer adotar e com que tipo de público quer interagir, pois qualquer coisa feita neste universo louco da Internet exige altas doses de interação.

Na próxima vez em que visitar um Blog, se ligue na quantidade de comentários postados e você descobrirá nitidamente a tênue linha separadora entre a escuridão dos 99 e a luz do fim do túnel do 1% de Blogs que realmente interagem com o seu público. Na verdade, todos estamos na batalha para chegar à fórmula ideal e se você leitor encontrá-la, por favor não seja egoísta e a compartilhe conosco.

16 comentários:

  1. Acredito que o diferente faz sucesso a cópia pode dar certo mas uma hora morre !!

    Inovar na minha opinião é o certo descobrir o que seus leitores querem e procuram .

    ResponderExcluir
  2. GordinhAssumida,
    eis o espetáculo da diferenciação no vale de lágrimas da mesmice. Até Kibador dá certo, desde que seja o primeiro Kibe Louco, o resto deles derrete como gelo ao sol.
    Um tempinho atrás com o sucesso do blog da Domingas de malhação, todo mundo queria botar um blog de conselhos sentimentais. Hoje todo mundo quer ser o PC Siqueira ou o Felipe Neto e assim continua o andor.

    ResponderExcluir
  3. Há uma complicada situação aí.

    Uma coisa é fazer um blog para ficar bobadão na Net. Outra é simplesmente, fazer um blog. Estou no segundo time. Até escrevo alguma coisa ou outra mais comercial. Mas tenho certeza de que 99% do que tenho em meu blog jamais será lido. Mas... Pelo menos foi escrito.

    Comentário meio sem sentido...

    ResponderExcluir
  4. Carlos,
    tudo faz sentido e fica claro quando nos atentamos ao sentido do texto, escrito estritamente para responder a pergunta daqueles que querem parir uma criança grande e falando inglês. A outra parcela de blogueiros, que escreve descompromissadamente por hobby, sabe que obter relevância na Net só ao custo de dar muito soco em ponta de faca.

    ResponderExcluir
  5. A interação humana é complicada principalmente num país de diversidade cultural maior. Sou japonesa legítima, fui estudar português aos dez anos. Comecei meu blog com objetivo de amenizar a ignorância contra cultura japonesa que é gritante no Brasil. Inclusive na cidade onde resido só o fato de me expor pelas ruas era motivo de xingamento por parte do público. No cursinho pré-vestibular era uma guerra de depreciação contra a minha raça por parte do professores e nem a direção da escola quis me ouvir a minha queixa. Para combatê-la enviei carta de protesto a todos os educadores sem ética com proposta de acabar baixaria ou levá-lo a Justiça. Só a partir disso passei a ser respeitada.
    Na web também acontece a mesma discriminação embora somos povos de cultura rica, mas o povo não respeita-nos. Assim precisei criar exigência nos comentários para evitar aborrecimentos gratuitos e torna-se longe de ter leitores brasileiros devido a preconceito racial. Por isso os blogueiros japoneses na web são bastante limitados.

    ResponderExcluir
  6. Confesso que por falta de vontade da minha parte não iniciei mais cedo a entrada na blogosfera.
    Há perto de um ano atrás nunca tinha entrado sem ajuda num site. Possuía apenas um mail para fazer compras online de bens de primeira necessidade com o único propósito, que a entrega dos mesmos fosse na minha residência.
    Até que um dia me apercebi que estava ficando para trás, em relação às pessoas com quem coabitava.
    Enchi-me de coragem e passado algum tempo já navegava primeiro a medo, depois com alguma descontracção e gostei.
    Comecei a visitar vários blogues, sem nunca postar uma opinião que fosse, entrava em silêncio e em silêncio saía.
    Aí verifiquei, que há blogues cujos proprietários escrevem textos que ninguém comenta.
    Ainda não consegui entender para que é que se tem um blogue se não se tem capacidade para cativar frequentadores? Para não falar daqueles que embora com visitantes, sejam de qualidade muito duvidosa.
    Em minha modesta opinião, só uma ínfima percentagem dos blogues têm razão para existir. São aqueles cujo conteúdo fornecem conhecimentos de vária ordem e que contribuem para aumentar a cultura geral dos seus seguidores.
    Após ter visitado vários blogues atrevi-me a medo, postar o meu primeiro comentário.
    No dia 01/02/10 às 00.35 em “ 10 Comportamentos que as mulheres mais odeiam nos homens ”.
    Nessa altura comentei como anónimo e, por insegurança, não assinei, as minhas desculpas.
    A partir desse momento fiz da sua casa,a minha casa.
    Obrigada

    Assina:
    ROMY

    ResponderExcluir
  7. Romy,
    nos sentimos lisonjeados pelo fato de você ter se sentido desafiada a comentar aqui, ainda mais por ter sido o primeiro Blogue.
    Como você mesma constatou, existe um grande lapso de comentários na Blogosfera, já que a maioria dos Blogues, ou recebem os escassos, ou nenhum.
    Tal deficiência tem sido creditada ao crescimento das demais Redes Sociais, onde as pessoas se sentem mais à vontade de interagir diretamente com os autores. Porém, vou no mesmo sentido da sua interpretação: a grande verdade é que a maioria dos Blogues não possui propósitos suficientemente robustos que levem ao diálogo.
    Alegro-me que este fórum seja a sua casa e torço para que ele continue atendendo à expectativa dos leitores em busca da utilidade.

    ResponderExcluir
  8. Yumi,
    você alerta para fatos bastante desconhecidos e graves, não pressentidos para quem é de cidadania brasileira. É uma pena que tenhamos tanto preconceito contra os orientais, pois a sua vasta cultura de milhares de anos tem muita coisa a nos acrescentar.

    ResponderExcluir
  9. que porra de sexooooo
    eh transar?????
    eu tenhu 19 anos e ainda naum transei!
    sou virgensinha!
    quem quer aproveitar a oportunidade?

    ResponderExcluir
  10. Nao desanimem! Dê seu melhor sempre e procure algo diferente e criativo!!!

    Visitem o meu blog tem coisas legais lá...

    Beijooooos

    www.missfabulousny.blogspot.com

    ResponderExcluir
  11. muito bom o post!!!!

    meu blog (garanto que não se vão desiludir):

    http://questoesdefutebol.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  12. Muito bom o seu post e apreciei bastante os comentários dos leitores, também gostei de ver que você responde todos, como você mencionou a interação com os leitores é fundamental para que o blog alcance o mínimo de sucesso. Parabéns a equipe pelo trabalho do blog, muito bom! Já favoritei aqui e estou seguindo, a variedade do blog é que atrai bastante, além de que os posts não parecem ser copiados e colados, são bem autênticos e sinceros com o leitor.

    Vou aproveitar e divulgar o meu blog.

    Se você aprecia poesia, frases reflexivas, textos humanos e arte em geral, acesse: http://arte-loucura.blogspot.com

    ResponderExcluir
  13. Obrigado pela apreciação, está divulgado o teu blog, dei uma passadinha lá para conferir ;)

    ResponderExcluir
  14. Bom para seu blog se tornar famoso tem que ter sorte, qualidade, conteúdos únicos, e publicidade :)

    ResponderExcluir
  15. Você faz inúmeros jogos em powerpoint mas não sabe onde publicar...

    Então visite o blog:

    Jogos em PowerPoint

    Aqui você pode baixar e publicar jogos em PowerPoint, é facil e grátis!

    Visite-nos em:

    http://jogosempowerpoint.blogspot.com/

    E divirta-se!!!

    ResponderExcluir
  16. Eu ainda não encontrei um jeito do meu blog se destacar, mas eu estou nessa apenas por terapia. Escrever me ajuda a espairecer a mente e me acalma, mas bem que poderia vir uma graninha ou uns 15 minutos de fama junto com a terapia.

    ResponderExcluir