Pesquisar

16 de set de 2008

7 conselhos úteis, que são absurdos porque ninguém segue.

1- Finja-se de louco diante da onça.
Situação: Você topa com uma onça enfurecida, estando desarmado.

Conselho: Faça movimentos desordenados, e fale coisas desconexas. Aja como um louco, mas não tente fugir, nem se encolha, nem demonstre medo, nem dê as costas para a bixa.

Realidade: A última coisa que você vai fazer é ter sangue frio para se fingir de louco, pois a sua primeira reação vai ser sair em correndo em disparada e, é claro, a onça vai te pegar.

2- Fale a verdade para a mulher braba.
Situação: Você chega da balada bêbado, depois de ter esticado a noitada num bordel, a sua mulher vai estar te esperando pronta para quebrar o maior pau.

Conselho: Conte toda a verdade. Não tente mentir porque aí sim ela vai desconfiar. Como toda a mulher é desconfiada, ela nunca vai acreditar que você está falando a verdade e vai te deixar entrar e dormir em paz.

Realidade: Você nunca vai conseguir controlar o seu impulso de mentir estando meio bêbado, fim de noite, cansaço, ressaca, fendendo a perfume barato, etc. Vai mentir pelos cotovelos e levar uma merecida surra da patroa.

3- Não reaja em assaltos.

Situação: A clássica situação, você para num semáforo e um vagabundo encosta um cano na sua janela gritando: “Perdeu!”.

Conselho: A polícia aconselha - não faça movimentos bruscos, nem fique nervoso, nem reaja, nem corra, nem tente dominar o assaltante, nem fuja, nem levante os braços. Fique parado aguardando ordens.

Realidade: A polícia acha que você tem nervos de aço, não tem estresse, não tem problemas psicológicos e sabe gerenciar crises. Muitos casos de assalto deste tipo terminam em mortes e feridos porque as vítimas se assustam e fazem movimentos bruscos. O ladrão, normalmente empedrado de droga, interpreta qualquer gesto brusco como reação e manda bala.

4- Não ligue luz, nem fogão em vazamento de gás.
Situação: Você chega em casa a e percebe um grande cheiro de gás.

Conselho: quando isto acontece JAMAIS acenda a luz, porque até uma simples faísca gerada pelo interruptor elétrico pode detonar uma explosão. A melhor coisa a fazer é abrir todas as portas e janelas e deixar o ar circular durante, pelo menos, meia hora.

Realidade: As pessoas sempre acendem as luzes e vão direto para a cozinha para acender o fogão e ver se ele está funcionando. Nos casos de incêndios deflagrados por vazamento de gás, quase sempre são os moradores que detonam a explosão, ligando lâmpadas, ou acendendo o fogão.

5- Bata no focinho do Pit Bull.
Situação: Você está caminhando tranqüilamente por uma rua e, subitamente, um Pit Bull voa na direção do seu querido pescoço.

Conselho: Encontrei um conselho hilário para resolver isto.
Para proteger o seu pescoço, jogue seu braço na direção da bocarra do bixo. O cão vai se grudar no seu braço. Você necessariamente deve estar perto de um muro. Então, erga o braço com o Pit Bull pendurado nele e lance-o para o outro lado do muro. Logicamente que o Pit Bull vai continuar firmemente agarrado as suas amadas carnes. Esta é hora de você usar o método que vai fazer o Pit Bull largar o seu braço: dê um soco no focinho dele.
Ora, sabemos que o focinho do cachorro é a sua parte mais dolorosa, o que vai fazer com que ele largue abruptamente a sua presa, você. Como ele vai cair do outro lado do muro, respire aliviado que você está a salvo!

Realidade: se você for atacado por um Pit Bull, então é provável que você pertence ao grupo de risco das vítimas potenciais – idosos, crianças, doentes, debilitados, deficientes físicos e mentais, etc. Ou seja, a única coisa útil que você vai poder fazer é jogar o braço e rezar para que apareça ajuda, porque vale mais perder um braço do que a jugular.

6- Não mova uma vítima de acidente.
Situação: Você se depara com um acidente de carro com vítimas e tenta ajudá-las.

Conselho: Jamais remova a vítima de onde ela estiver, a menos que seja uma situação de total emergência, do tipo, veículo pegando fogo ou prestes a cair num precipício.

Realidade: As pessoas que ficaram paraplégicas por acidentes de trânsito contam histórias parecidas: foram removidas por populares, que tinham a boa intenção de ajudar. Quando o acidentado não é movimentado sob os cuidados de um profissional socorrista, as suas lesões na coluna cervical podem se agravar enormemente ao ponto de causar o rompimento da medula. Depois que o sujeito se acidentou, a vida dele não depende mais de uma questão de tempo e sim da ajuda especializada de pára-médicos equipados com macas imobilizadoras e coletes cervicais.
Enquanto o socorro não vem, você pode ajudar afrouxando as roupas da vítima, liberando qualquer coisa que a esteja apertando, ou a impedindo de respirar e colocando alguma coisa em baixo da sua cabeça para lhe trazer maior conforto.

7- Não obrigue os outros a fumar junto com você.
Situação: você fuma e não vai parar, achando que o problema é só seu.

Conselho: O Ministério da Saúde adverte que fumar é prejudicial à saúde, mas ao mesmo tempo, ele não adverte que toda a cadeia de morte do tabaco é financiada pelo Governo. Este é o conselho mais hipócrita de todos, você fuma pagando toneladas de imposto que o governo ganha das empresa tabageiras – e depois quer provar que você está errado.

Realidade: você continua fumando porque ninguém tem nada a ver com isto, certo? Se você acha que isto é um bom pretexto, saiba que está condenando ao câncer e ao enfisema pulmonar os seus familiares, seus amigos, seus colegas de trabalho, enfim, todos aqueles que convivem com você diariamente num raio de até 10 metros, que são obrigados a respirar o mesmo ar que você viciou.

12 comentários:

  1. Adorei, principalmente em relação ao pitbull rs.

    ResponderExcluir
  2. cara isso eu posso dizer! ja me livrei de um pitbull! mas tem que ser rapido!a parte do braço ta certa mas quando ele te pegar vai te derrubar, dai é só enfiar os dedos nos olhos dele, eu arranquei um e dexei o outro pendurado, dai ele te solta com certeza, mas acabei com 30 pontos no braço, mas o bicho ta morto. rsrsrsr

    ResponderExcluir
  3. No número 6, permitam-me uma ressalva sobre a parte que diz "colocando alguma coisa em baixo da sua cabeça para lhe trazer maior conforto."
    Na verdade, isso não é recomendado, pois o acidentado pode ter lesado a coluna cervical e qualquer movimento com a cabeça pode piorar a lesão. Por isso os socorristas colocam o colar cervical.

    ResponderExcluir
  4. O número 6: isto é importantíssimo. Quando escrevi o texto, eu não podia descer a um nível de detalhamento muito grande.
    Vamos tecer um cenário: você está com o acidentado, não chegou socorro médico e ele se queixa imensamente que não está conseguindo respirar.
    Para este casos o que eu quero dizer com "posição confortável" é que em alguns casos de lesão séria na coluna cervical, principalmente perto do pescoço, dependendo da posição do pescoço, pode "desligar" a respiração. Então, cuidadosamente, o socorrista improvisado tem que sutilmente procurar uma posição para que ele volte a respirar.
    Isto é fato, aconteceu com um conhecido meu. Uma pessoa teve que ficar segurando a cabeça dele, até o socorre chegar com o colete cervical. Graças a isto, ele foi salvo, sem sequelas.
    Os procedimentos vão ser específicos para cada caso, mas a respiração do acidentado tem que ser liberada a qualquer custo, isto é o mais importante.

    ResponderExcluir
  5. Olha eu sou do exercito e formado em resgate, so quero falar q isso n é simples assim e q como resgatar ou ajudar alguem n tem como ensinar atravez de um texto porem c alguem quizer ter uma breve noção de como tentar ajudar me add no msn q eu tento esplicar (meu e-mail é tavo0207@hotmail.com) e so pra consta:
    1º nunca existiu ""desligar" a respiração" o termo correto é obstrução da via aéria.
    2º a primeira coisa a c fazer é: a) ver c o local é seguro.
    b) como que ta a PULSAÇÂO.
    c) DEPOIS como que ta a respiração.
    d) como que ta a temperatura corporal
    e) como que ta a PREÇÃO ARTERIAL
    e depois sim ver c a OBSTRUÇÃO DA VIA AÉRIA.
    quaquer duvida so me perguntar
    ps: Mais valeu a intenção ai...

    ResponderExcluir
  6. O militar está certo, o caso a que me referi é muito específico, foi em um acidente de vôo livre e o acidentado tinha pedaços de ossos pressionando a medula. Dependendo da posição, ele sentia que estava prestes a desmaiar e pedia que movessem levemente a cabeça dele, ele ficou coordenando o processo o tempo todo. Só desmaiou quando chegou o helicóptero.
    Na esmagadora maioria das vezes os procedimentos padrão descritos pelo resgatista são os que funcionam.
    O importante é a discussão sobre o assunto não se encerre aqui, porque quase todas as intervenções de pessoas sem conhecimento, termina agravando o quadro e até trazendo a morte.

    ResponderExcluir
  7. O militar é muito burro querendo corrigir coisas como "desligar a respiração", e escrevendo todo o resto errado. A obstrução da via respiratória não deixa de ser um "desligamento da respiração" ENTRE ASPAS. Correção totalmente infeliz. Nem vou entrar no mérito do "quizer", "esplicar", "preção" e outros itens que não são relevantes ao assunto aqui tratado.

    ResponderExcluir
  8. Nao vou entrar em detalhes porque acho que o maior conselho para leigos é Não mova a vitima ate socorro adequado chegar.
    Mas sou médico, o ABC d trauma diz que o que mata mais rápido é a falta de respiração, então vias aéreas é a 1a coisa a ser checada, porém isso deve ser feito com controle cervical para nao aumentar os danos.

    ResponderExcluir
  9. Há um método simples de saber se uma vítima tem lesão em qualquer parte da coluna vertebral: beliscando os pés próximo dos dedos - se a vítima sentir o beliscão, pode ser movida para posição mais segura/confortável. Vi isso ser feito num caso de atropelamento, por um socorrista.

    ResponderExcluir
  10. Um método simples que vi num filme para que o ferido esqueça a dor é o seguinte: Se ele está com uma dor lancinante na perna, pegue a mão dele e diga: Vou fazer vc esquecer a dor da perna, então quebre um dedo da mão dele, ele esquecerá rapidinho a dorda perna.

    ResponderExcluir
  11. De repente este método funciona no pitbull...

    ResponderExcluir
  12. isso é apenas uma verdadeira comédia cada absurdo que eu li que pela mor de deus tenha passiensia rs

    ResponderExcluir