Pesquisar

15 de dez de 2008

O passado te condena: obscuras origens das 9 gigantes fabricantes de gadgets.

As maiores fábricas de produtos eletrônicos atuais, tais como Sony, Nokia, Samsung e IBM estão no mercado há muito tempo, algumas há mais de 100 anos. Seus inícios foram pitorescos, o que torna fascinante uma visitação às origens para flagrar como tudo começou.
Foram selecionadas aqui os 9 dos maiores e mais antigos fabricantes de eletrônicos do mundo, enfatizando como e quando eles começaram. Alguns deles iniciaram fabricando coisas completamente diferentes dos produtos consagrados que atualmente fazem a sua fama.

1- Nokia, fundada em 1865.

Negócios iniciais: antes de se consagrar como a famosa marca de celulares, eles fabricaram artefatos de papel, bicicletas, pneus de carro, calçados, computadores pessoais, cabos para telecomunicações e televisores.

Isto foi até 1987, quando a Nokia lançou um dos primeiros aparelhos celulares do mundo, o Mobira Cityman 900, que pesava “apenas” 800 gramas e custava 4.650 euros.

2- Sony, fundada em 1945.
Primeiro produto da Sony, o gravador de rolo G-Type.

A Sony iniciou suas atividades logo depois do fim da 2ª guerra mundial, como uma oficina eletrônica de consertos de rádios num prédio bombardeado. Seu fundador Masaru Ibuka, se associou no ano seguinte com Akio Morita e juntos fundaram a Tokyo Tshushin Kogio K.K. (Tokyo Telecommunications Engineering Corporation).

A companhia tentou vários nomes bizarros: Totsuko e Tokyo Teletech, antes de optar definitivamente pelo nome Sony em 1955, que foi o resultado de uma fusão entre a expressão latina “sonus” (som) e a palavra inglesa “sonny” (pequeno menino).
Negócio inicial: A Sony fabricou o primeiro gravador de fita do Japão, o G-Type, assim como o primeiro rádio transistorizado

3- IBM, fundada em 1896.

Negócios iniciais: A IBM começou com o nome de Companhia de Máquinas de Tabulação. Naqueles tempos, Herman Hollerith o seu fundador, patenteou uma série dispositivos relacionados ao processamento de cartões perfurados.

A fusão posterior com duas outras empresas provocou a mudança do nome para Corporação de Tabulação e Registros, isto até 1924, quando a companhia mudou novamente o nome para aquele que conhecemos até hoje: International Business Machines Corporation – acrônimo de IBM.

Os primeiros produtos da IBM incluíam um grande mix de relógios ponto, balanças, máquinas cortadoras de frios e leitoras de cartões perfurados. Durante a 2ª guerra, a companhia também produziu armas e as suas máquinas de cartões perfurados foram usadas para o desenvolvimento das primeiras bombas atômicas. Um belo dia a IBM passou a ser conhecida pelos seus Mainframes, fama que sustenta até hoje.

4- Samsung, fundada em 1938.

Negócios iniciais: A empresa foi fundada por Lee Byung-chul, foi no princípio uma lojinha estabelecida em Daegu, Coréia do Sul. Eles exportavam peixes, verduras e frutas para a China. Durante a invasão comunista de 1950 as instalações da Samsung foram danificadas, o que a forçou a reiniciar as atividades em 1951, desta vez em Seul.

Em 1953, Lee abriu uma refinaria de açúcar e lançou as bases da filosofia para tornar a Samsung líder em todos os ramos que se envolvesse. Posteriormente a empresa se diversificou em vários negócios: seguros, lojas de departamentos, estações de rádio e televisão e produtos eletrônicos. Até hoje a Samsung não tem um foco principal, já que é um conglomerado de empresas que se dedicam a diversas áreas.

5- Nintendo, fundada em 1889.
Primeiro console de jogos fabricado pela Nintendo.

Negócios iniciais: a Nintendo foi fundada em 1889 por Fusajiro Yamachi em Kyoto, Japão. Inicialmente ele começou produzindo cartões Hanafuda, usados em jogos. O nome Nintendo significa “sorte do céu”. Antes de se estabilizar no negócio dos jogos, a Nintendo tentou vários nichos: motéis, companhia de taxis, rede de TV e comercialização de arroz instantâneo, antes de se tornar conhecida mundialmente no universo dos consoles de jogos.

6- Hewlett-Packard, fundada em 1939.
Oscilador de áudio, o primeiro produto da HP.

A Hewlett-Packard (HP) foi aberta numa garagem em 1939 por William Hewlett e David
Packard. A princípio eles não conseguiram chegar a um consenso entre os nomes Hewlett-Packard ou Packard-Hewlett, o que os fez decidir no cara-ou-coroa. Packard ganhou, por isto este é o nome que conhecemos hoje.

Negócio inical: O primeiro produto foi um oscilador de áudio de precisão. Um dos primeiros clientes foram os estúdios Walt Disney que compraram 8 instrumentos para usá-los na aferição dos sistemas de som dos cinemas onde seria rodado o desenho animado Fantasia. A HP continuou a fazer instrumentos eletrônicos e mais tarde acoplou-os aos minicomputadores DEC, até que os sócios decidiram que era mais fácil fazer seus próprios computadores, do que encomendá-los de terceiros.

Em 1968 a HP lançou aquilo que na prática poderia ter sido conhecido como o primeiro computador pessoal, se a empresa não tivesse decidido chamá-lo de calculadora de mesa, porque de acordo com Bill Hewlett: “Se tivéssemos chamado aquilo de computador, ele certamente seria rejeitado pelos consumidores de computadores da época, porque a coisa não parecia um IBM.”
História da HP segundo a própria HP.

7- Motorola, fundada em 1928.

A Motorola foi fundada por Paul e Joseph Galvin em Chicago batizada com o pomposo nome de Galvin Manufacturing Copoporation. O primeiro produto foi um eliminador de pilhas para rádios. O nome Motorola foi adotado em 1930, quando a companhia começou a produzir rádios automotivos, que resultou da combinação das palavras “moto” e “vitrola”.

A Motorola foi fornecedora de equipamentos de rádio para a maioria dos vôos espaciais da NASA, que ocorreram durante a corrida espacial, que culminou na chegada do homem à lua em 1969.

8- Siemens, fundada em 1847.

A Siemens foi fundada em 1847 por Werner von Siemens com o seguinte nome bastante indigesto pelo resto do mundo: Telegraphen-Bauanstalt Von Siemens & Halske. O seu primeiro produto foi um aparelho telégrafico, porém usando uma agulha para transmitir letras uma a uma, ao invés do código Morse, muito em voga naqueles tempos.

Em 1867 a Siemens completou uma monumental linha de telégrafo ligando a cidade de Calcutá na Índia a Londres. Eles também implantou os geradores de energia para a iluminação pública da cidade de Godalming, Inglaterra, usando uma usina hidroelétrica. Mais tarde a companhia abriu novos horizontes na área dos trens elétricos e lâmpadas, entre outras coisas.

9- Canon, fundada em 1930.


A empresa, inicialmente sem o nome que a consagrou, foi fundada por Goro Yoshida, seu cunhado Saburo Uchida e o amigo Takeshi Mitarai.
Negócio inicial: o primeiro objetivo do recém criado Laboratório de Instrumentos Óticos de Precisão, seu nome inicial, foi o desenvolvimento de uma câmera fotográfica de 35 mm.
Em 1934 a empresa tentou comercializar uma câmera chamada Kwanon, porém ela nunca chegou realmente ao mercado. O nome Kwanon e a posterior modificação Kannon, foi inspirado num sábio Budista (bodhisattva). Um ano depois, a empresa passou a usar o nome Canon, que foi considerado ter um som mais moderno e também pelo seu significado, que em inglês quer dizer “autoridade das escrituras”.

A câmera Hansa lançada em 1936, foi o primeiro sucesso da empresa, que empregou as lentes da empresa antecessora da Nikon, a Indústria Japão de Produtos Óticos. Em 1937, a companhia mudou oficialmente o seu nome para Canon.

Comentários finais.
Espero que você tenha gostado do “revival” das atuais gigantes fabricantes dos nossos adorados gadgets. É interessante pensar que a cada ano as novas empresas que pipocam no mercado têm a potencialidade teórica de se tornarem grandes no futuro, assim como as que foram vistas aqui, cujo tímido início foi ombro a ombro e com as concorrentes da época, mas que ao longo dos anos acabaram destoando das suas iguais.

As gigantes eletrônicas atuais agarraram todas as chances cruzaram o seu caminho e se o Google ainda existir daqui a 100 anos, talvez ele esteja fazendo algo que nada tenha a ver com buscas, assim como aconteceu com as 9 grandes materializadoras dos sonhos de consumo.

Fonte:
How nine of the world’s largest tech companies got started.

9 comentários:

  1. Será que a data de fundação da Nintendo não está errada? Afinal em 1889 ainda não haviam inventado nem a televisão ;)

    ResponderExcluir
  2. "Nintendo" ñ significa "Trabalhe duro e forte"? (tenho uma revista q diz isso), no início faziam entre outras coisas cartas comuns de baralho.
    A IBM é uma m***a, os caras ajudaram os nazistas com suas maquinas de cartôes perfurados!!!

    ResponderExcluir
  3. Dúvidas... HP datas diferentes no subtítulo e corpo do texto.
    Quem ganhou colocou o nome por último???
    Sobrenomes diferentes eram irmãos?

    ResponderExcluir
  4. Datas da HP realmente estavam erradas. O Hewlett e o Packard não eram irmãos e o texto foi corrigido. Obrigado.

    ResponderExcluir
  5. A data de fundação da Nintendo não está errada. Ele começaram muito antes da invenção da televisão, fabricando cartões de jogo, desenhados a mão.

    ResponderExcluir
  6. "Visitaçao"? Um dicionário te ajudaria bastante.

    ResponderExcluir
  7. Segundo o dicionário Aurélio Buarque de Hollanda Ferreira:
    Visitação: Do Latim visitatione. Substantivo - Ato ou efeito de visitar, visita.
    O Troll deveria ler o dicionário antes de comentar.

    ResponderExcluir
  8. @ Snake

    A Nintendo foi FUNDADA em 1889, o primeiro console não foi lançado nesse mesmo ano. No próprio texto se diz que ela começou fabricando outras coisas. A data de lançamento do primeiro console não é dita no texto mas é certo que foi depois do lançamento da própria televisão.

    ResponderExcluir
  9. É óbvio que o primeiro consoile Nintendo foi lançado depois da tv, O Famicom (abreviação de Family Computer) foi lançado no Japão em 1983, dois anos depois veio para o ocidente com o nome de Nintendo Entertainment System ou NES, como ficou mais conhecido. Só foi lançado no Brasil em 1993 quando o seu predecessor Super Nintendo (Super Famicom no Japão) já tinha dois anos de vida, por isso ele é chamado de Nintendinho por aqui. E sim, a Nintendo tem 120 anos.

    ResponderExcluir