Pesquisar

27 de ago de 2010

17 chaves para você decifrar as imagens da Internet sem queimar o Tico e o Teco.

17 chaves para decifrar as imagens da Internet - 11) FakeO que seria da Internet sem as imagens? Em plena era analógica, os livros se socorriam de poucas e mirradas imagens que pouco ilustravam, enquanto reinou o todo poderoso império da palavra escrita. Hoje é diferente, se você escrever um texto árido, pedaçudo, extenso e isento de significantes imagéticos, poucas almas queimarão Ticos e Tecos naquilo, que ficará relegado aos cantos raramente frequentados da Internet.

Hoje, em substituição à ditadura da palavra, temos a tirania das imagens-que-valem-mais-do-que-mil-palavras que são publicadas sem legendas, lenço e documento. Porém, a coisa não é apenas um desvario caótico, já que há regras até no terreno estritamente imagético. Por isso, ao trazermos à tona a nossa contribuição para  Semiótica moderna esmiuçando os tipos de imagens que fazem a alegria dos Blogs de imagens divertidas. Surpreendentemente, contrastando com a aparente livre espontaneidade do Meme(*), vemos que as tais imagens engraçadas se dividem em tipos muito bem delimitados.

1) Duplo sentido – double meaning.
Dependendo do ângulo em que a foto é tirada, a imagem pode acionar na mente das pessoas a área do “não é isto o que você está pensando”.
17 chaves para decifrar as imagens da Internet - 1) Duplo sentido

2) Ângulo certo – unusual angle.
Aproveitando a limitação bidimensional da fotografia, os engraçadinhos se aproveitam do efeito provocado pela perspectiva chapada para fazer intervenções hilárias.
17 chaves para decifrar as imagens da Internet - 2) Ângulo certo

3) Que espécie de porra é esta? - WTF.
Fotos que apresentam detalhes totalmente nonsense, que são devidamente assinalados com grandes círculos e flechas vermelhos, para que a situação W.T.F. (what the fuck?) seja explicitada.
17 chaves para decifrar as imagens da Internet - 3) WTF

4) Placas motivacionais – motivational boards.
São fotos enquadradas em preto que exibem mensagens humoradas ou de cunho moral e “edificantes".
17 chaves para decifrar as imagens da Internet - 4) Placa motivacional

5) Vergonha alheia.
Retrata situações altamente embaraçosas e gafes, tais como esta da mineirinha viajando nos "estrangêro": manhêêêê, olha só o namorado maneiro que arranjei na Alemanha!
17 chaves para decifrar as imagens da Internet - 5)Vergonha alheia

6) Failure ou usa-se simplesmente FAIL.
Retrata acidentes com pessoas ou coisas e situações bizarras em que algo está muito errado.
17 chaves para decifrar as imagens da Internet - 6) Fail

7) Flagras do tipo OOPS!
Trata-se de um FAIL em grande escala.
17 chaves para decifrar as imagens da Internet - 7) Oops

8) Cosplay.
Toma-se da definição satírica de escoteiros: “um bando de crianças vestidas de idiotas, lideradas por um idiota vestido de criança” a parte “um idiota vestido de criança” e temos um Cosplay. São adultos (preponderantemente orientais) que costumam se travestir de super-heróis dos gibis (HQ) e chars dos games. É claro que adoro Cosplays, desde o legais (cool), até os FAIL e os WTF!
17 chaves para decifrar as imagens da Internet - 8) Cosplay

9) Tenso.
É uma imagem constituída normalmente de uma sequência de 4 ou 5 fotogramas em zoom que salientam a estranha reação de um elemento num grupo de elementos elementos neutros.
17 chaves para decifrar as imagens da Internet - 9) Tenso
[Notícia Cretina]
O tipo de foto "Tenso" foi um meme(*) de criação exclusivamente brasileira de 2008 que se espalhou como um viral pela Internet. Brazilian rules!
Leia aqui a história do meme Tenso [Know your Meme].

10) OWNED.
Significa mais ou menos em português: "perdeu", quando são retratas situações em que uma pessoa, ou grupo se ferram de múltiplas formas.
17 chaves para decifrar as imagens da Internet - 10) Owned

11) FAKE.
Vez por outra, as celebridades (principalmente as mulheres que ainda não posaram nuas) estão às voltas com suas fotos montadas em situações de nudez, pornografia, ou vexatórias. É o preço que elas pagam pela fama.
17 chaves para decifrar as imagens da Internet - 11) Fake

12) Gambiarras - Do it yourselve.
O similar mais próximo desta palavra em inglês é DIY (do it yourselve), ou seja, tratam-se de engenhocas, enjambrações e improvisações que dão certo e vão prestando seus serviços permanentemente, principalmente quando instaladas em coisas velhas e obsoletas.
17 chaves para decifrar as imagens da Internet - 12) Gambiarra

13) Invenções idiotas - Dumb invenctions.
Ao contrário das gambiarras, que são improvisações da hora, quase sempre as invenções idiotas são produtos “sérios” com sérias pretensões de aceitação no mercado, hahahaha! Um exemplo claro é esta cadeira robótica, que mais parece um instrumento de tortura medieval, que tem a obscura missão de massagear a sua vítima, oops! freguês.
17 chaves para decifrar as imagens da Internet - 13) Dumb invention
» Robo Massage Chair Will Probably Hurt You.

14) Foto estragada – Photobomb.
Sabe aquele engraçadinho que se atravessa na foto no último instante?
17 chaves para decifrar as imagens da Internet - 14) Photobomb

15) Separados no nascimento – separated at birth.
Se você pegar o engraçadinho de uma photobomb e relacioná-lo com alguma coisa bem engraçada... bingo, surge um "separados no nascimento".
Separados pelo nascimento

16) Sem maquiagem e sem Photoshop – Without makup and Photoshop.
Enquanto as celebridades se produzem uma vida inteira para parecerem perfeitas, os paparazzi lutam para flagrá-las nos momentos mais humanamente imperfeitos. E os Blogs se divertem reproduzindo ad exaustum os resultados, para que as pessoas diminuam a culpa pelas suas próprias imperfeições.
17 chaves para decifrar as imagens da Internet - 16) Sem maquiagem

17) Imagens engraçadas – Funny photos.
Depois da onda dos Blogs “como ganhar dinheiro em casa”, hoje assistimos o boom dos Blogs publicadores de imagens engraçadas e vídeos idiotas do Youtube. É muito fácil, você precisa de dois neurônios, um para bolar um título engraçado e outro para diagramar as imagens e o melhor, o Tico e o Teco nem precisam se falar.
17 chaves para decifrar as imagens da Internet - 17) Imagem engraçada

(*) Meme.
Termo extremamente complexo, originário das ciências biológicas, que abarca tudo aquilo que se reproduz e se propaga indefinidamente seguindo leis próprias. Na Internet ele caiu como palavra de ouro para descrever os movimentos espontâneos de propagação de certos conceitos e ideias. Leia mais sobre o significado da palavra Meme na [Wikipédia].

4 comentários:

  1. Hahaha.
    Gostei.
    O que eu acho mais sem graça é o tipo Fail...

    E eu acho legal cosplay também.
    Apesar de nunca ter me dado um pingo de vontade de me vestir igual uma figura pop...

    ResponderExcluir
  2. O post é fantástico, mas o melhor dele é definição para escoteiro, algo que por sinal fui um dia: “um bando de crianças vestidas de idiotas, lideradas por um idiota vestido de criança”

    flap flap em looping.

    ResponderExcluir
  3. Internet. Penso que não pode ser dissociada de uma simples palavra “ Sociedade”

    Por prazer, tenho mais ou menos uma noção de várias teorias sobre a verdade, de Platão a Rawls,para não ir mais longe.
    Independentemente dos diversos méritos delas, e, da genialidade da sua concepção, todas deixam um infinito de questões por responder. O que torna cada uma, em última análise, inapropriável como um todo.

    Há uma boa razão para isso. É que a questão "o que é a sociedade?" é, pela natureza do seu próprio objecto, irrespondível, ou pelo menos é impossível responder-lhe sem as deformações da parcialidade.

    Nesta perspectiva, a minha “verdade” é que a Internet reflecte a Sociedade em que está inserida, com todas as suas virtudes e defeitos.

    O problema põe-se sobretudo quando os conteúdos são absorvidos (uma absorção que dispensa evidentemente a compreensão) pelos analfabetos funcionais, e servem muitas vezes como obstáculo à resolução dos mais empíricos problemas, grandíssimos ou ínfimos, que se põem às nossas vidas.

    Na cabeça destes retardados que produzem as imagens que consideram de ficção ou de realidade útil, são quase sempre acompanhada por outras, contraditórias. Por incrível que pareça, rigidez e confusão dão-se bem.

    O mais irónico para não dizer o mais perigoso é que estes fazedores de opinião ou de comportamentos, afirmam saber, de um saber sem dúvida.

    ResponderExcluir