Pesquisar

12 de ago de 2009

Estereótipos que transformam a Betty numa feia.

O fenômeno de audiência televisivo La fea más Bella, Betty a Feia, Ulgy Betty tem o seu roteiro baseado numa idéia muito simples: uma mulher lindíssima caracterizada como feia e que ao fim da trama, como borboleta que sai da crisálida, surge resplandecente purgada de toda feiúra.

Na esteira do sucesso obtido pelo SBT e Rede TV, a Rede Record tenta emplacar a sua “Bela, a Feia” protagonizada pela beleza irretocável de Giselle Itié, que submetida a um artifício cênico impressionante encarna a desengonçada Betty, a feia.

O método para transformar uma mulher deslumbrante num bucho, tribufu, baranga, dragão, canhão, etc., consiste em revesti-la de uma série de estereótipos sociais reconhecíveis como feiúra. São eles:

Olhos assimétricos, de preferência vesgos, coroados por óculos “casco de tartaruga”. Olhar meio vesgo desfocado.

Nariz adunco, ou batatudo.

Buço, barba ou bigode.

Pele dominada por manchas e crateras de cravos e espinhas.

Queixo duplo.

Presença no abdômen de dois ou três pneus.

Postura de trapo e costas arredondadas.

Boca “chapuleta” de burro, dentuça e/ou com dentes acavalados.

Cabelo empastado (empestado?).

Orelhas de abano.

Peito chato.

Corpo em forma de pera.

Vestir sem noção.
No caminho inverso ao da "enfeiação" da Betty, a Feia, Deus criou a beleza... e o homem o Photoshop.
Na realidade, não é o Photoshop sozinho que ajuda a ressaltar uma beleza subjacente, mas a maestria de artistas como Paulo Arrivabene que, com extrema sensibilidade, realiza extreme makeups de pessoas, desde as portadoras de feiúras irreversíveis, até casos bem menos dramáticos como o desta menina, que uns poucos retoques retiraram-lhe alguns traços característicos de Betty, a Feia.

Numa república de corcundas de Notre Dame, uma mulher sem corcova seria considerada feia? Diz um ditado popular que quem ama o feio, bonito lhe parece.

A Betty está sendo mais uma vez repaginada, desta feita numa montagem feita sob medida para agradar a um dos públicos que mais consome novelas no mundo. Será que a esfuziante Giselle Itié vai convencer o público com sua feiúra presumida? Só o tempo e o IBOPE dirão.
Referências:
Paulo Arrivabene , o Mago do Photoshop: [deviantART]
Foto da mulher em forma de pêra: [Uêba Imagens Diversas]
Site de mulheres de bigode. [Women with mustaches] via [Reporter Net]
Maneira de se enganar uma Webcam: [5 de cinco] via [Colmeia]

7 comentários:

  1. Excelente como sempre!!
    Beijooo

    ResponderExcluir
  2. Muito inspirador!
    Beijos!!!

    ResponderExcluir
  3. Nunca gostei de novelas, mas depois de ficar sabendo dessa "Betty, a Feia", detestei ainda mais. Só quem for burro não percebe que a personagem é lindíssima. Apenas colocaram uns óculos ridículos nela, um prendedor de cabelo cafona, dentes manchados de propósito e uma roupa antiquada. Não sei como o maquiador não foi despedido. Poderiam ter feito um trabalho convincente.

    ResponderExcluir
  4. Eu concordo com grande parte, nos quesitos . Mas dizer que quem tem "peito chato" é feio .. é sacanagem né
    !

    Mas de resto o post é muito bom .

    ResponderExcluir
  5. Postagem pouco preconceituosa né, parabéns!

    ResponderExcluir
  6. o chato e já ter visto a personagem ...que é bonita.. varias vezes.. em muitos lugares.. revitas,,,e tv;;;
    ou seja.. ela nao conevnce... que é feia..pois todos ja ha viram sem aqueles adereços..colocados..para fazer a novela..

    tinham que q ter selecionado uma atriz novaa.. que ninguem conhecia...aii seria bem mais legall..
    assistir..
    eu particularemnte..nao perco meu tempo assistindoo essa versão da record!

    ResponderExcluir
  7. Acho que isso de Orelhas de Abano não devia estar. Niguem tem Culpa de Nascer defeitooso!"

    ResponderExcluir