Pesquisar

14 de nov de 2008

A verdadeira origem do Batcomputador do seriado de TV de 1966.

Eu pensava que o computador instalado na Batcaverna do seriado de TV do Batman da década de 60, eram caixas vazias com luzinhas piscando. No entanto, um museu virtual americano revela que o computador mostrado na série trata-se de um Datatron fabricado em 1953 pela empresa Electrodata.
A Electrodata Corporation of Pasadena da Califórnia fabricou apenas 40 peças do modelo utilizado no seriado do Batman. O Batcomputador era, na realidade, uma console Datatron, que foi utiliada até a gravação do último capítulo no ano de 1969. Parece que naquela época os modelos de computadores não costumavam cair em obsolescência tanto quanto os nossos, que se tornam velhos em 6 meses.
Em 1956, a Electrodata foi adquirida pela Burroughs e o Datron foi renomeado para Burroughs modelo 205. O último computador Datron foi usado pela bolsa de valores de Nova Iorque para apresentar a cada hora o valor das ações. Em 1986, a Burroughs se fundiu com a Sperry Corporation e formou a Unisys, a segunda maior companhia de computadores do mundo.
A próxima vez que você ver algum episódio da velha série de TV, pode ter certeza que os produtores, sem tempo para construir um computador conceitual do futuro, lançaram mão da tecnologia existente, que incorporaram na Batcaverna, assim como o carro-conceito Lincoln Futura 1955, que foi reestilizado por George Barris e utilizado como batmóvel.

Fonte:
Computer Museum.

Nenhum comentário:

Postar um comentário