Pesquisar

8 de ago de 2008

10 dicas para você escrever um TCC.

Quem faz algum curso universitário, especialização, pós-graduação, etc., chega ao momento inevitável da escrita do famigerado TCC, Trabalho de Conclusão de Curso. Por falta de tradição de leitura, estudo e organização, as pessoas sofrem muito cometendo erros toscos, até que, na base da tentativa e erro, acabam finalizando a escrita à custa de dolorosos esforços.
Para poupar sofrimento, você pode seguir algumas dicas simples de quem já sofreu na pele “A maldição do TCC” e chegou vivo do outro lado do túnel, a temível banca.

1 – Dica de Ouro: O TCC começa pelo referencial teórico e termina no referencial teórico. Portanto, desde o primeiro instante em que você começa a ler o primeiro livro, tenha sempre à mão uma caneta e um papel. Vá anotando minuciosamente tudo o que achar interessante numa lista incluindo título do Livro, página e citação. Você vai descobrir depois que esta dica simples representa 50 % do trabalho. Isto vai evitar um problema comum na feitura de TCCs: o sumiço de coisas interessantes já lidas;

2 – Leia outros TCCs similares ao seu, mas jamais copie, pois o risco de ser descoberto é enorme e também não pague outra pessoa para escrever seu trabalho. Lembre-se que você vai ter que defendê-lo no final e se a estrutura mental não é sua, a banca vai perceber, mesmo você tenha conseguido enganar o seu orientador;

3 – Faça arquivos separados para cada item. Comece abrindo o arquivo de bibliografia e vá listando nele a sua bibliografia escolhida dentro das normas da ABNT;

4 – Caso o seu orientador não tenha disponibilidade, peça para alguma pessoa ler o seu trabalho. Isto evita que você caia em aporias, momentos de buraco negro que dão a impressão de que não há mais condições de prosseguir;

5 – A escrita do TCC exige imersão, se você não pode dedicar bastante tempo a ele, jamais vai conseguir concluí-lo. Então, excepcionalmente, mude seus hábitos de vida e consiga o tempo necessário;

6 – Esqueça a introdução até ter o trabalho concluído. Depois que estiverem prontos os capítulos e a bibliografia, escreva a sua introdução e por fim, o resumo;

7 – Atenha-se ao seu objeto e não tente abraçar o mundo. É uma mania comum querer abraçar muitos temas concomitantemente. A banca vai cobrar muito mais a dispersão do que o excesso de foco;

8 – Não seja tão prolixo no seu número de páginas. As pessoas que apresentam trabalhos muito grandes tendem a ser repetitivas. Você não vai conseguir impressionar a banca pelos quilogramas de papel;

9 – Evite escolher como orientador algum “figuraço”, aqueles professores cheios de fama e cargos, porque você vai descobrir que poderá contar muito pouco com ele ao longo da jornada de gestação do TCC. Se o seu orientador tem trabalhos publicados na sua área de abrangência, não se sinta acanhado de citá-lo, pois além de não ser puxa-saquismo, é uma deferência muito bem aceita pelas bancas;

10 – Como falado anteriormente, o trabalho deve ser escrito em partes, para que você não se perca na ansiedade do todo, porém cada parte deve se articular num todo. Quem vai “soldar” os pedaços é a conclusão. As bancas costumam se debruçar bastante nas conclusões e no referencial teórico, portanto não deixe a peteca cair no clímax, pois a conclusão vai sintetizar todo o seu aprendizado.

23 comentários:

  1. Muito boas as dicas. Estou passando pelo momento do TCC.

    ResponderExcluir
  2. As dicas são muito boas,e me ajudaram, apesar que tem horas que acho que vou enlouquecer por causa do TCC!!!

    ResponderExcluir
  3. as anotações realmente são importantíssimas,valeu!

    ResponderExcluir
  4. VALEU PELAS DICAS

    ResponderExcluir
  5. Olá, Isaías...
    Com a sua licença, vou copiar e colar essas dicas no meu blog, tá?? Lógico que com todos os créditos à sua pessoa...Perfeito, viu? Obrigada!!! Beijão!!!
    Sonia Pereira
    Angicos/RN

    ResponderExcluir
  6. Sonia, à vontade, este artigo é de interesse público.

    ResponderExcluir
  7. Que ótimo, menino...Tô penando com a tal pergunta e partida, mas sou nordestina, sou porreta, eu me arrumo...rsrsrs...Beijão!!!

    ResponderExcluir
  8. Ei, meu blog é: saladoaprendiz.blogspot.com
    Quando tudo na sua vida der errado, me visite...kkkkkkkkkkkkkk..Beijão!!!

    ResponderExcluir
  9. Gostei!
    Parabéns pela iniciativa.
    Marisol

    ResponderExcluir
  10. Olá amigo, adorei suas dicas, mais gostaria de pedir mais uma dica que não fora mencionada aqui. meu TCC é um estudo de caso, como devo começar.

    obrigado.

    ResponderExcluir
  11. Você tem que definir o problema a partir do seu caso. Apresente o caso e define quais questões globais poderão ser respondidas.

    ResponderExcluir
  12. olá, bom, estou escrevendo meu TCC, e tenho várias perguntas, como todos que escrevem, (eu acho), queria saber se preciso ater-me a algum ítem que estudei na faculdade, ou posso abrangi-lo e defender coisas além?

    ResponderExcluir
  13. ultimo comentário - Hidalgê Priscila Gehlen
    PS: gostei muito das dicas;

    ResponderExcluir
  14. Qualquer trabalho de conclusão é feito em cima de uma questão, ou questões. Assim, não necessariamente a questão deve sair dos conteúdos vistos ao longo do currículo. Todavia, uma coisa importante é fazer uma boa delimitação para que o tema não fique muito abrangente. Por isto, o papel do orientador é crucial nos momentos iniciais da conceituação, definição dos problemas, delimitação, metodologia, parte empírica, etc.

    ResponderExcluir
  15. sim, escrevo algumas coisas sobre o assunto dês de que comecei a faculdade, faço letras - mas gosto muito do ramo da filosofia, tenho essa dúvida, pois quase tudo o que leio é interessante, e como o assunto que escolhi é abrangente sei que não devo abrangi-los, a minha dúvida é mesmo se poderia fazer meu tcc baseado mais especificamente na filosofia... já que pesquisei muito o assunto ao longo dos 4 anos..


    Hidal;

    ResponderExcluir
  16. A filosofia serve para tudo, mas cuidado, pode não servir para nada. Explico, você tem que achar uma boa zona de inserção entre a sua área e a filosofia. Uma bela sugestão é ler TCCs anteriores pautados neste tipo de abordagem.

    ResponderExcluir
  17. ok; muito obrigada;

    Hidal.

    ResponderExcluir
  18. Referente ao estudo de caso que vou fazer, é da empresa que trabalho, a situação problema é a fidelização do cliente, como devo começar. Conto primeiro a historia da empresa e depois coloco o problema ou coloco os dois juntos?

    ResponderExcluir
  19. Anônomo disse...

    Quando se trata de uma tese como devo desenvolver??

    Ah! muito boas as dicas!!

    ResponderExcluir
  20. Muito legal, as dicas, adorei
    Estou vivendo uma gestação, com o meu TCC, mas tenho a impressão
    que dura mais que nove meses!!!!

    ResponderExcluir
  21. preciso dividir meu referencial, isto é acrescentar um sub título explicativo, que nome devo dar a ele?

    ResponderExcluir
  22. oi como poderia começar a escrita do tcc não sei como começar quero falar sobre a importancia da literatura infantil.

    ResponderExcluir