Pesquisar

10 de ago de 2008

Isto é um golpe de SCAM?

O que é SCAM?
A contrário do SCAM PHISHING que induz o usuário a baixar no seu computador algum código malicioso, os SCAMs são menos virulentos no seu formato, eles não envolvem códigos maliciosos e não produzem dano inicialmente. O SCAM é uma oferta de algum negócio ou serviço muito vantajoso, que no final vai provocar uma pequena perda financeira, porém, ao longo das “negociações” na medida em que os estelionatários ganham a confiança da vítima, ela terá passado dados pessoais importantes que poderão servir como base para outros golpes.

Os SCAMs são divididos em várias categorias: promessas de depósitos de grandes somas na conta do usuário (Advance-fee fraud) , correntes, participação em esquemas de Marketing Multinível, investimentos dos mais diversos, falsas capitalizações, softwares inoperantes que prometem explosão de visitas e links a sites na Internet, etc.

Os golpistas brasileiros são meio fracos em SCAMs e muito fortes e phishing, golpes que tentam roubar senhas bancárias e de cartão de crédito. Mas, aos poucos, nossos criminosos vão aumentando o seu campo de atuação, se lançando também na área do SCAM. Vejamos um caso precioso que achei hoje no site Yahoo!Respostas. Um sujeito procura (ingenuamente?) que alguém (mais ingênuo ainda) faça uma compra internacional, no módico valor de $ 4,99 no nome da própria vítima.

Provavelmente o negócio se dá da seguinte forma: em troca de algumas vantagens, vamos supor que alguém aceite comprar em nome do SCAMMER. O máximo que ele vai perder são irrisórios 4,99 dóloares. Vamos super que o SCAMMER consiga vários usuários que aceitem a proposta. Está aí a alma do negócio SCAM: aproveitando a boa vontade, ingenuidade e certa tendência que as pessoas têm em acreditar em papai noel, os SCAMMERs vão somando seus ganhos através de pequenos golpes indolores.

Especificamente falando do golpe aqui referido, nem estou considerando um cenário mais tenebroso: a vítima convencida que vai ter vantagens, aceita fazer a compra considerando que, se perder, vai ser apenas 4,99 dólares. Porém, pode haver um complicador adicional, imaginemos que o site alvo também seja golpista, ou seja, não no cartão não será debitado apenas os 4,99, mas 10, ou 20, ou 30, ou 50 dólares...?

Eis o suposto golpe de SCAM postado no Yahoo!Respostas, os leitores que julguem por si mesmos:

O usuário Mercator pergunta:
"Cartão de crédito internacional!!!! Preciso de ajuda!!!!
Minha situação é a seguinte:
Ontem saiu uma promoção que estava aguardando à muito tempo no site da Steam. Cheguei ontem e resolvi comprar com o cartão da minha mãe que era internacional ( não vende no Brasil), porém, o cartão era de débito e por isso não pude efetuar a compra.
A conta custa $ 4.99 dólares. Dinheiro eu tenho para pagar, mas eles só aceitam cartão de crédito, que eu não tenho.
Então resolvi vir aqui pedir a alguém o seu cartão "emprestado". Pode parecer suspeito, perigoso, etc. Mas não é nada disso, porque eu não vou ter acesso nenhum ao seu cartão. Neste caso, você mesmo efetuaria a compra e eu mesmo arcaria com os gastos. Assim que realizada a compra eu depositaria o dinheiro na sua conta.
É um sistema muito conveniente. Por MSN posso explicar mais detalhadamente.
Conto com a solidariedade de vocês."

Moral da história:
TODO o golpe de SCAM, apesar de muito tosco, hilário e fantasioso, sempre consegue gente que acredita em bixo papão, que acaba caindo. Por isto é importante e fundamental que as informações sobre as artimanhas que os golpistas utilizam sejam divulgadas na Internet. A informação é o único antídoto contra o embuste virtual, que apesar de virtual, não deixa de causar sérios danos no saldo bancário.

Referência:
Link da Pergunta postada no Yahoo!Respostas

Nenhum comentário:

Postar um comentário