Pesquisar

29 de mai de 2008

Meu computador Intel dos sonhos?


Há uma controvérsia interminável entre os que defendem o computador de marca e aqueles que preferem montar o seu próprio, escolhendo entre as diversas opções do mercado de componentes aqueles que mais se adéquam ao seu projeto. No Brasil temos poucas possibilidades de montar no nosso micro sem que o “computador dos sonhos” encoste facilmente na faixa dos dez mil reais. Além disso, a qualidade e a quantidade dos componentes disponíveis no nosso mercado são muito inferiores aos que os gringos têm no mercado deles.

O meu computador anterior estava transformando numa traquitana espirrando para fora do esqueleto do gabinete, porque os componentes não cabiam mais no antigo chassi que tinha agasalhado uma paleolítico motherboard Soyo com Pentium III. Quando troquei a placa mãe, foi como se fosse um transplante coração-pulmão, já que a nova motherboard Intel com Pentium IV exigiu uma fonte de Pentium, que não coube mais no gabinete feito para agasalhar a velha fonte ATX.

Recentemente realoquei toda aquela geringonça num gabinete usado e o doei para um parente. Então parti para um computador novo e, diante dos custos da customização do meu próprio micro, fui obrigado a optar por um computador de marca: um mastodonte chamado DELL XPS720, meio que voltado para o público gamer, cheio de intenções de robustez, Leds piscantes, equipado com uma motherboard full BTX.

Mas o meu sonho sempre foi comprar um computador Intel, não Intel Inside, como os que são vendidos por aí com placa e processador Intel e sim um com gabinete Intel, fonte Intel, drives Intel, monitor Intel, etc. O computador do meu sonho tem a etiqueta “Intel Outside”, é totalmente compatível com os softwares gráficos mais cabeludos e roda qualquer jogo graças à exclusiva Placa de Video Intel Ultra Ultimate PCI Express 256x com 500 Gb de memória.

O computador Intel dos sonhos vem equipado com um exclusivo cartão de memória flash Intel de 100 pentabytes, memória RAM Intel de 1 terabyte e um sistema avançado de Intel de refrigeração criogênica com 0 db de ruído. Ou seja, o meu computador Intel dos sonhos é absolutamente silencioso e o seu gasto de energia é no máximo 20 wats.

De repente, eu me acordo com o Dell me olhando com os seus leds extremamente brilhantes, me obrigando a voltar à terra firme. Por ora, adeus à refrigeração criogênica dos 16 núcleos Intel!

Intel, DELL, BTX, terabyte, pentabyte, pentium, computador dos sonhos

Nenhum comentário:

Postar um comentário