Pesquisar

15 de jul de 2008

O que é síndrome de abstinência conectiva?


Os filmes de ficção científica lêem o futuro, os agentes da Matrix conectados ao sistema através de fones de ouvidos compuseram a profética imagem da massificação dos gadgets eletrônicos, em que as pessoas se tornam cada vez mais conectadas e dependentes . Toda a dependência evolui para a doença mental, neste caso como resultante da exposição excessiva aos dispositivos conectivos.

Refugiados sociais japoneses morando em Cyber Cafés.
O Japão, na posição de segunda economia do mundo, perdendo apenas para os USA, camufla os seus refugiados sociais sob o entretenimento dos Cyber Cafés, que oferecem comida, banho, cama, revistas e... conexão 24 horas, um prato cheio para os portadores de SAC (*) que eventualmente não possuem em suas casas uma banda larga não muito larga, ou simplesmente não têm casa nenhuma.

Longe da natureza, perto do ciberespaço.
O sintoma certeiro de que a SAC se instalou é quando uma pessoa não consegue mais ficar nem que seja uma hora longe de celulares, emails, Skype, Orkut, MSN, messengers, etc. Quando a vida na natureza passa a ser a tortura do silêncio. Quando os momentos de lazer num lugar bucólico e fora da área de cobertura das torres de telefonia, geram espasmos no corpo, suor frio na testa, sufocamento e uma sensação de abandono do mundo que continua pulsante e online lá fora.

Os viciados conectivos de grosso calibre normalmente recebem milhares de emails diários + ligações telefônicas de voz + solicitações via messengers, num círculo vicioso que reduz o número disponível de horas por dia. O dia do viciado não se conta mais em 24 horas – ele estando disponível ao mundo que não dorme – tem a sensação de encolhimento do ciclo noite/dia, já que até os períodos de descanso são gastos na intensa tarefa de atender e responder, solicitar e esperar.

Vida em desequilíbrio – a realização da palavra Hopi Koyaanisqatsi.
Nas sociedades tecnológicas a conexão, que surgiu para facilitar a vida, passou a fabricar loucos, no momento em que afasta o ser humano da natureza por intermédio da radiação atrativa dos gadgets eletrônicos ao mundo virtual. O filme de Godfrey Reggio – Koyaanisqatsi - aborda justamente o tema do afastamento do homem da natureza, quando ele se tecnologizando cada vez mais, vai perdendo o contato com a sua herança ancestral.

Significado da palavra Koyaanisqatsi na língua indígena Hopi:
Vida louca, em redemoinho. Vida fora do equilíbrio e em desintegração. Um estado de vida que clama por outra forma de viver.

Vídeo dos Refugiados Sociais Morando em Cyber Cafés - Rede Record - Programa Mundo Record

Leituras adicionais:
A Doença da Conexão
Doença da Internet. Campo de concentração
Matrix

(*) SAC – Síndrome de Abstinência Conectiva.

Conectividade, síndrome, koyaanisqatsi, matrix, gadget

Nenhum comentário:

Postar um comentário